conecte-se conosco

Polícia

Corpo em avançado estado de decomposição é encontrado no meio da restinga em Pontal do Paraná

O corpo, em avançado estado de decomposição, foi encontrado por um homem que caminhava pela praia, no balneário de Grajaú, em Pontal do Paraná

Publicado

em

O corpo de um homem em avançado estado de decomposição foi encontrado em uma área de restinga,  no balneário de Grajaú, em Pontal do Paraná, na tarde de sábado, 5, por volta das 17h30.

De acordo com a Polícia Militar, um servidor da Sanepar caminhava pela região e sentiu um mau cheiro que vinha do meio da vegetação. Ao se aproximar do local, ele visualizou o corpo escondido entre alguns galhos.

Assustado, o homem acionou uma equipe de guarda-vidas que estava no posto instalado no balneário. A guarnição constatou o fato e isolou a área.

Durante a perícia, realizada pela Criminalística, não foram encontrados documentos que pudessem ajudar na identificação do corpo.

O perito que realizou o procedimento constatou que o corpo estava no meio da vegetação há pelo menos 5 dias.

O cadáver estava com uma bermuda florida, verde claro, e uma camiseta, de manga longa, na mesma cor.

TATUAGENS

O desenho da metade de um rosto, tatuado do lado esquerdo nas costas da vítima pode ajudar na identificação do corpo, que ainda estava usando um colar artesanal confeccionado com material vegetal. 

Recolhido pelo IML – Instituto Médico Legal, o corpo segue sem identificação, na sede do órgão, em Paranaguá.

Exames complementares devem apontar a causa da morte.