conecte-se conosco

Obituário

Falece o advogado Mario Marcondes Lobo Filho, o “Mariozinho Lobo”

Com 53 anos, ele veio a óbito em Curitiba nesta segunda-feira, 11

Publicado

em

Foto: AEN/Portos do Paraná - Arquivo

Na noite desta segunda-feira, 11, faleceu o advogado Mario Marcondes Lobo Filho, o “Mariozinho Lobo”, com 53 anos. Ele foi vereador na Câmara de Paranaguá, presidente do Rio Branco Sport Club e diretor-presidente da empresa pública Portos do Paraná, entre outros cargos políticos e de liderança no município.

Ele sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) em março de 2020. Desde então passava por tratamento na capital paranaense, onde acabou contraindo a Covid-19 e se recuperou. Posteriormente esteve na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Instituto de Neurologia de Curitiba (INC) onde lutou bravamente pela vida e para superar as complicações do AVC, entretanto, acabou vindo a óbito nesta segunda-feira, 11.

A morte gerou comoção na sociedade parnanguara e paranaense. A Folha do Litoral News ainda está apurando mais informações sobre o falecimento de Mariozinho Lobo, bem como informações sobre seu velório e enterro.

À família enlutada, familiares e amigos, ficam aqui registradas nossas condolências por parte de toda a equipe da Folha do Litoral News.

Enterro e velório

O velório de Mariozinho Lobo ocorre em Curitiba das 8h às 12h desta terça-feira, 12, na Capela do Vaticano (Avenida Desembargador Hugo Simas, Bom Retiro, 26). O enterro acontecerá em Paranaguá, às 14h, no Cemitério Municipal Nossa Senhora do Carmo.

Portos do Paraná emite nota de pesar

Na noite da segunda-feira, 11, a empresa pública Portos do Paraná emitiu nota de pesar pelo falecimento de Mariozinho Lobo, por meio da Diretoria e Gerência de Marketing e Comunicação. “A Portos do Paraná lamenta profundamente o falecimento do ex-superintende da Portos do Paraná, Mário Marcondes Lobo Filho, nesta segunda-feira (11). Mariozinho Lobo, como era conhecido em Paranaguá, foi diretor administrativo e esteve à frente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), quando ainda era uma autarquia, de 29 de abril de 2010 a 01 de janeiro de 2011”, destaca.

“Advogado, com 53 anos, de família tradicional parnanguara, filho de Mário Marcondes Lobo e Sônia Fatchuf Lobo, ele trabalhou pela cidade, no legislativo, como vereador, e no executivo (tanto do município quanto do Estado). Ainda passou pelo Rio Branco Sport Club e foi presidente do Clube Literário. Mariozinho Lobo estava internado em Curitiba, após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC), e faleceu em decorrência de complicações da Covid-19. A empresa pública se solidariza aos familiares pela irreparável perda. Nossos sentimentos”, informa a nota da Portos do Paraná.