Connect with us

Ciência e Saúde

UFPR realiza reunião com ministro da Ciência sobre vacina contra a Covid-19

Vacina da UFPR está na fase pré-clínica, com teste em animais

Publicado

em

A Universidade Federal do Paraná (UFPR) apresentou a vacina contra a Covid-19 – em desenvolvimento na instituição – para o ministro Marcos Cesar Pontes, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). A reunião foi realizada na terça-feira, 25 e foi articulada pela bancada federal paranaense, coordenada pelo deputado Toninho Wandscheer.

O reitor da UFPR, professor Ricardo Marcelo Fonseca, e os professores Emanuel Maltempi de Souza e Helton José Alves participaram de maneira remota. Os três apresentaram detalhes da Vacina da UFPR para toda a equipe da pasta. Estiveram presentes no encontro os deputados federais do Paraná, Aline Sleutjes, Gustavo Fruet, Luisa Canziani, Luizão Goulart, Ricardo Barros, Toninho Wandscheer, entre outros.

O reitor da UFPR, professor Ricardo Marcelo Fonseca, e os professores Emanuel Maltempi de Souza e Helton José Alves participaram da reunião de maneira remota. Foto: Divulgação / UFPR

A intenção da bancada paranaense é articular uma emenda impositiva para o financiamento do projeto da Vacina da UFPR, destinando orçamento do ministério para o projeto. De acordo com o reitor, houve um encaminhamento positivo para que a emenda seja recebida neste ano e inserida no orçamento de 2022. A UFPR ainda pode receber outras emendas por parte dos deputados.

“Esta vacina vai ser estratégica e necessária em 2022, em 2023, quem sabe até depois. É uma vacina paranaense, uma vacina de baixíssimo custo, que pode dar as condições no futuro para uma soberania tecnológica, que hoje tem afligido nossa sociedade, com a espera de IFA (ingrediente farmacêutico ativo) da Índia, da China. É uma vacina com um mecanismo tecnológico e imunização que até aqui se demonstrou bastante alvissareira”, disse o reitor da UFPR, professor Ricardo Marcelo Fonseca.

Fase pré-clínica

Para finalizar a fase pré-clínica de testes, a UFPR fechou um acordo com o Governo do Paraná. No total, o estado vai repassar R$ 995 mil reais para a universidade, sendo R$ 700 mil para compra de equipamentos e custeio da pesquisa e R$ 295 mil para pagamento de bolsas para pesquisadores em pós-doutorado para viabilizar esta fase. Na sequência, com autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), iniciam os testes clínicos, quando serão necessários novos parceiros e novos recursos financeiros.

“Estamos investindo nesta iniciativa da UFPR para termos uma vacina paranaense. É só com investimento em ciência e tecnologia que podemos chegar a resultados. Estamos otimistas em relação a este percurso feito pela UFPR e muito esperançosos em relação ao futuro”, afirmou o superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná, Aldo Nelson Bona.

Vacina da UFPR

A Vacina da UFPR está na fase pré-clínica, ou seja, está sendo testada em animais. O imunizante tem baixo custo, usa insumos e tecnologia nacionais e é multifuncional, ou seja, pode ser recombinado para atender variantes do SARS-CoV-2 ou outras doenças, como a dengue. A vacina deve finalizar a fase pré-clínica em um prazo de seis meses, quando vai precisar de recursos financeiros para realizar os testes clínicos, em seres humanos.

Com informações da UFPR

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.