conecte-se conosco

Paraná Produtivo

Energia para Argentina

A Copel Mercado Livre recebeu autorização do Ministério de Minas e Energia para exportar energia elétrica

Publicado

em

paralisar

A Copel Mercado Livre, comercializadora da Companhia Paranaense de Energia, recebeu autorização do Ministério de Minas e Energia para exportar energia elétrica para a Argentina e o Uruguai. A decisão foi divulgada na última terça-feira, 25, no Diário Oficial da União, pela Portaria nº 315, de 20 de agosto de 2020. A empresa já tinha sido autorizada pela Portaria nº 259, de 19 de junho de 2019, a importar energia dos países vizinhos. Ambas as autorizações são válidas até dezembro de 2022. O intercâmbio de energia para a Argentina ocorre por meio de estações de Garabi e Uruguaiana, localizadas no Rio Grande do Sul, fronteira com a Argentina. Para o Uruguai, ocorre por meio das estações em Santana do Livramento e Jaguarão, também no Estado gaúcho.


Países vizinhos

Em junho de 2019, o Brasil exportou 280 MW médios para a Argentina. Em junho deste ano, esse número cresceu para 320 MW médios. De acordo com o diretor-geral da Copel Mercado Livre, Franklin Miguel, normalmente, a exportação para a Argentina acontece entre os meses de junho a julho e, em razão da baixa afluência da região Sul, em 2020 importa da Argentina de março a maio. Para o Uruguai, houve exportação em volume menor nos meses de abril e maio de 2020 e importação ao longo de quase todos os meses de 2019. A Copel Mercado Livre hoje tem cerca de 800 consumidores, em 14 estados brasileiros e volume médio comercializado de 1.300 MW.

C.Vale conquista

A C.Vale conquistou, pelo segundo consecutivo, a certificação Great Place To Work (Melhor Empresa Para se Trabalhar). O selo de qualidade é concedido pelo instituto internacional de consultoria GPTW, uma organização que atua em 90 países, após pesquisa por amostragem com 821 funcionários da cooperativa, agora em 2020. Para o presidente da C.Vale, Alfredo Lang, a nova conquista mostra que a C.Vale é formada por uma equipe que tem prazer e orgulho em atuar na cooperativa. “Esse ambiente de trabalho foi construído, ao longo dos anos, por pessoas que têm na cooperativa não apenas a fonte de sua renda, mas a missão de produzir prosperidade”. Ele agradeceu ao empenho dos funcionários que resultou em mais esta conquista.


BRDE assegura crédito

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) firmou na última quinta-feira, 27, a primeira parceria de sua história com o Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). O acordo prevê a criação de uma linha de crédito no valor de US$ 70 milhões (cerca de R$ 392 milhões) para financiar projetos nos três estados do Sul do País, área de atuação do BRDE. A nova linha de crédito contemplará investimentos em inovação, microcrédito, inclusão financeira, infraestrutura econômica e social, eficiência energética, energias renováveis e agronegócio, entre outras. A intenção é priorizar ações voltadas para micro, pequenas e médias empresas, produtores rurais, cooperativas e municípios do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, com foco na geração de emprego e renda.


Faturamento
O faturamento de lojas online cresceu 47% no 1º semestre de 2020, em comparação com o mesmo período de 2019. É a maior alta do setor em 20 anos, conforme um levantamento da Ebit/Nielsen.As vendas chegaram a R$ 38,8 bilhões entre janeiro e junho de 2020, contra R$ 26,4 bilhões dos mesmos meses de 2019. O número foi impulsionado pelo crescimento dos pedidos, que saltou 39%. Foram 90,8 milhões de compras no 1º semestre do ano. A alta reflete a busca dos consumidores por compras na internet durante a pandemia: 7,3 milhões de brasileiros compraram pela primeira vez no e-commerce. A pesquisa indica que 41 milhões de pessoas são consumidoras ativas do comércio eletrônico no país.


Governo estuda tarifas

O Ministério da Agricultura confirmou na última quarta-feira, 26, que a Secretaria de Política Agrícola estuda retirar taxas de importação de arroz, milho e soja. A possibilidade de solicitar a inclusão temporária desses produtos na Lista de Exceção à Tarifa Externa Comum (Letec) está sendo avaliada “como forma de equilibrar o mercado doméstico e impedir o aumento de preços de produtos da cesta básica”. Segundo a pasta, a proposta conta com apoio do setor produtivo. “O secretário de Política Agrícola César Halum, ressalta que, caso aprovada, a adoção dessa medida teria caráter preventivo, visto que não há sinais de desabastecimento e nem há necessidade de importação desses produtos pelo Brasil”, informa. A medida deve entrar na pauta da Comitê Executivo de Gestão (Gecex) da Câmara de Comércio Exterior (Camex) em setembro.

Carne carbono neutro

Foi lançada na última quinta-feira, 27, a primeira linha de produtos no país com a certificação carne carbono neutro. Desenvolvida pela Embrapa, a carne carbono neutro é um selo de certificação da produção de bovino de corte em sistemas com a plantação obrigatória de árvores como diferencial. Neste sistema, as árvores neutralizam ou absorvem o metano entérico, exalado pelos animais e um dos principais gases causadores do efeito estufa. A criação do gado ocorre de forma integrada com as florestas, sistema silvipastoril, ou com a lavoura e floresta, o chamado agrossilvipastoril.  Um estudo realizado na Embrapa Gado de Corte, localizada em Campo Grande (MS), aponta que cerca de 200 árvores por hectare seriam suficientes para neutralizar o metano emitido por 11 bovinos adultos por hectare ao ano, sendo que a taxa de lotação usual no Brasil é de um a 1,2 animal por hectare.

Estoques de suco

A Citrus BR divulgou a estimativa dos estoques de suco de laranja para a temporada 2020/2021. A expectativa é que as reservas cheguem entre 240 e 280 mil toneladas, devido à bienalidade na safra de citricultura, quando há a alternância de safras grandes com safras pequenas, anualmente. Comparando com os números da safra 2019/2020, é possível entender essa bienalidade. Até o final de junho, foram registradas 471,1 mil toneladas, aumento de 86,1% em relação ao total apurado na safra 2018/2019. Tanto que, para 2020/21, temporada de bienalidade negativa, a tendência é de queda. Em junho de 2021, a expectativa é que os estoques fiquem entre 240 mil e 280 mil toneladas.


Conselho de Grãos

O Conselho Internacional de Grãos (IGC, na sigla em inglês) elevou a sua estimativa para produção global na safra 2020/21, em 5 milhões de toneladas, de 2,225 bilhões de toneladas para 2,230 bilhões de toneladas. O conselho atribui a revisão na safra à perspectiva de maior produção global de soja, milho e trigo. Se confirmada, a perspectiva aponta para uma safra recorde – 49 milhões de toneladas maior que a temporada anterior. A previsão de consumo foi elevada de 2,218 bilhões de toneladas para 2,222 bilhões de toneladas, enquanto a estimativa de estoques globais foi aumentada de 625 milhões de toneladas previstas no fim de julho para 630 milhões de toneladas.


Agro abriu 86,2 mil vagas

O setor agropecuário abriu mais de 86,2 mil postos de trabalho de janeiro a julho deste ano, segundo a análise feita pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) a partir dos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pela Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia. A agropecuária seguiu liderando a geração de novas vagas de trabalho em 2020 depois de ser o único setor de atividade econômica a abrir vagas no primeiro semestre do ano, com 62.663 no acumulado dos primeiros seis meses. Segundo o levantamento, em julho o setor apresenta novo saldo positivo, com a abertura de mais 23 mil vagas. Os principais segmentos que mais abriram vagas em julho foram produção de lavouras temporárias, produção de lavouras permanentes, hortícolas, criação de bovinos, florestas plantadas, criação de aves e criação de suínos.

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br.

Continuar lendo
Publicidade

Em alta

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.