Connect with us

Paraná Empreendedor

LGPD – saiba onde reclamar

Entenda seus direitos sobre seus dados pessoais de acordo com a nova Lei Geral de Proteção de Dados

Publicado

em

Fechando textos sobre Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD, para deixar claro aos leitores sobre seus direitos e reiterando que a nova lei garante a todas as pessoas a titularidade dos seus dados pessoais. Não poderia ser diferente, pois é algo primordial para a existência dos direitos atrelados a esses dados.

Cabe ao cliente decidir qual é o limite da atuação das empresas que utilizam seus dados no dia a dia. Isso nem sempre é fácil, mas o titular tem o direito de acessar seus dados, corrigi-los, bloqueá-los, exigir sua eliminação, transferi-los para outra empresa. E até mesmo se opor ao seu tratamento, quando ocorrer uma das hipóteses que dispensam o consentimento do titular.

Para isso, basta um requerimento formal para a empresa que possui esses dados ou então uma petição à Autoridade Nacional de Proteção de Dados – ANPD, órgão a quem foi delegada a função de fiscalizar e editar normas sobre o tratamento de dados pessoais por pessoas físicas e jurídicas.

Um bom exemplo de requerimento encaminhado à ANPD foi feito pela Ordem dos Advogados do Brasil – OAB (ver arquivo em pdf: http://s.oab.org.br/arquivos/2021/01/430e4681-041d-4d69-b29c-b9f00bb47028.pdf), por ocasião do noticiário recente a respeito do vazamento de dados de mais de 200 milhões de CPFs, que estão à venda na chamada Deep Web.

As questões diretamente levadas à apreciação da ANPD podem demandar auxílio especializado. Entretanto, a lei concede ao titular de dados ferramentas eficazes na busca pelos seus direitos e tem no seu cerne, uma orientação evidente à preservação da privacidade.

Se você possui um questionamento referente ao tratamento dos seus dados, não se acanhe! Questione, solicite informações, persiga os seus direitos.

Muitas empresas utilizam os seus dados por anos sem sua autorização ou sequer sua ciência, com grandes lucros. A LGPD disciplina a transparência dessa relação, permitindo que você saiba como e para quais fins os seus dados são usados. Só com essas informações o titular terá controle sobre seus dados. Com a LGPD, você pode muito mais! Por enquanto só não há garantia de que você também possa lucrar com o uso dos seus próprios dados.

* Colaboração – Cleiton Sacoman – Advogado, Mestre em Direito e Especialista em Proteção de Dados.

Por Juraci Barbosa Sobrinho

Leia também: Empresas têm obrigação de proteger dados do cidadão cliente

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.