conecte-se conosco

Paraná Empreendedor

A importância da urna para o desenvolvimento

Emprego e renda é a melhor política pública que seu eleito pode oferecer. É hora de procurar e analisar os melhores projetos antes de se decidir

Publicado

em

São tempos de corrida eleitoral. Candidatos estão a pleno fôlego para conquistar uma cadeira legislativa nos estados e no Congresso, para governar estados e presidir a República.

E você, cidadão, empreendedor, profissional autônomo, dona de casa, empregado ou desempregado, o que espera do próximo gestor do seu estado, do nosso país? Você está preocupado em saber qual é o foco do trabalho do seu deputado?

São perguntas importantes e este é um bom momento para procurar respostas antes de tomar a decisão sobre quais botões você vai apertar na urna eletrônica, em outubro.

Seu deputado, governador, ou presidente é candidato à reeleição? Ele fez um bom mandato? Qual projeto que saiu do papel para gerar empregos, renda e negócios para desenvolver o lugar ou a região onde você vive? Sua vida melhorou?

O gestor tirou do papel um projeto para atrair empresas, criar um parque industrial ou traçar um Plano Diretor para direcionar o desenvolvimento da sua cidade nos próximos anos? Surgiu algum programa de incentivo para fortalecer os pequenos negócios, que geram a maioria dos empregos e da renda?

Se a maioria das respostas for sim, é um bom indicador. Por outro lado, se a resposta é “não sei”, ou simplesmente “não”, é bom pensar melhor no assunto. Desenvolvimento é coisa séria.

Entre os candidatos que se apresentam você enxerga bons projetos para apoiar o empreendedorismo, acelerar o desenvolvimento e ajudar as empresas a crescer e produzir mais e melhor?

Quem disputa um cargo político com objetivo de influir na vida das pessoas e nos destinos do país precisa pensar no desenvolvimento e em projetos para fomentar a atividade econômica.

A razão é simples, porque no futuro haverá menos problemas sociais. Onde tem emprego e renda, menos pessoas precisam entrar na fila do posto de saúde, ou na fila para uma vaga para um filho nas creches públicas.

Com renda se compra o remédio na farmácia próxima (inclusive fiado) e a criança pode ficar até na creche vizinha de casa ou do trabalho, que é cômodo e prático para as mães. Emprego e renda melhoram a autoestima e a vida é melhor.

Pense nisso.

Publicidade










plugins premium WordPress