conecte-se conosco

Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá

Professora Nayá Maria do Prado Castilho de Pereira

Publicado

em

Sucessão no IHGP

Nayá Maria do Prado Castilho de Pereira nasceu no dia 13 de outubro de 1955, na cidade de Londrina.  Filha de João Gomes do Prado e da professora Maria Ângela Lopes de Pereira. Ainda na infância, Nayá mudou-se com seus pais para Paranaguá, cidade onde fixaram residência. Concluiu o ensino primário no Colégio Estadual Estados Unidos da América, logo em seguida, ingressou no ensino científico no Colégio José Bonifácio. Foi aprovada no vestibular da Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Paranaguá para o curso de licenciatura em Matemática.

No ano de 1977, Nayá casou-se com João Ricardo de Castilho Pereira Filho, com quem teve três filhos, João Ricardo, João Paulo e João Henrique. Foi aprovada em 1º lugar no concurso da Prefeitura de Paranaguá. Ao longo de sua carreira, lecionou em diversas escolas públicas e colégios particulares, entre as quais a: Escola Municipal Presidente Castelo Branco, também atuou como professora de Desenho Mecânico e Matemático, no SENAI. 

Durante sua trajetória, Nayá foi bastante atuante no escotismo. Ingressou nesse movimento no ano de 1985, e tornou-se a primeira chefe feminina de guia escoteiro, no Litoral do Paraná. Infelizmente, a professora Nayá faleceu no dia 4 de outubro de 1987.

 Foi uma excelente professora, uma pessoa alegre e que até hoje é lembrada pelo seu trabalho e dedicação nas atividades ligadas à educação e ao escotismo. Como homenagem, o seu nome batiza a escola “Nayá Castilho” criada no dia 29 de julho de 1988, sob a gestão do prefeito Waldir Salmon.  Nayá foi também homenageada pelo Grupo de Escoteiros Comandante Santa Rita que criaram a tropa “Nayá Castilho”.

Priscila Onório Figueira

Historiadora

Agradecimentos especiais a João Ricardo de Castilho Pereira Filho

Bibliografia utilizada: Folha do Litoral, edição publicada em 10 de agosto de 2001.

Continuar lendo
Publicidade