conecte-se conosco

Valmir Gomes

FLAMENGO DO BRASIL E DA AMÉRICA

O time da moda no Brasil, jogou menos que se esperava contra o River nas montanhas peruanas.

Publicado

em

O time da moda no Brasil, jogou menos que se esperava contra o River nas montanhas peruanas. Mesmo assim venceu, um pouquinho antes do fim virou o jogo com duas pedradas do Gabigol. O primeiro tempo foi todo do time argentino, o Flamengo só entrou em campo, não jogou nada. A voz dos vestiários no intervalo fez bem ao Flamengo, voltou melhor. Antes tarde do que nunca. O resto vocês viram, dois golaços do Gabigol no finzinho, para não ter reação nenhuma do adversário. Isto acontece com equipes bem preparadas, física, técnica e mentalmente. Não esqueçam o futebol é um jogo de acertos em cima dos erros do adversário. Os argentinos falharam e os  brasileiros meteram buchas. Campeão da América. Na festa da chegada no Rio de Janeiro, pelo campeonato nacional o Grêmio venceu o Palmeiras. Pronto outro título, Campeão brasileiro ao natural e com inteira justiça. Flamengo campeão  do Brasil e da América. Rumo ao mundial inter-clubes.

COXAS DECIDEM NA BAHIA
Parecia jogo da primeira divisão, domingo às 16 horas com recorde de público, 40 mil torcedores no estádio Couto Pereira, Coritiba 1x 0 Bragantino. Jogo parelho, mais marcado do que jogado, bem ao estilo da segunda divisão, próximo do final do jogo Giovani na cobrança de falta faz o gol da vitória. Agora um empate na Bahia contra o Vitória faz os coxas retornarem à primeira divisão.  Sorte Coxa.

BRUNO HENRIQUE CAMPEÃO EM SANTA CATARINA
O jovem Bruno é filho do querido colega Mura-Mura, como é bom de bola foi jogar no Botafogo de Jaraguá do Sul na vizinha Santa Catarina. No fim de semana, jogou a final da Copa Jaraguá contra o tradicional Juventus. No tempo normal empate 1×1 nos pênaltis a vitória de 4×2 para o Botafogo. Assim o parnanguara Bruno Henrique se tornou campeão invicto da Copa Jaraguá do Sul sub-23, tradicional competição daquela cidade. Parabéns.

JORGINHO X RODRIGÃO
Desde que chegou ao Coritiba, o técnico Jorginho vive de rusgas com o atacante Rodrigão. Diria que o Humberto Louzer o ex-técnico do Coritiba, sabia lidar melhor com o goleador. Nesta queda de braço da reta final da segundona, quem perde é o Coritiba. Tomara que os gols do Rodrigao não façam falta. A hora é de superar vaidades pessoais, em nome do clube.

HABEMUS TÉCNICO
Gente nunca  tinha ouvido falar no auxiliar técnico Eduardo Barros, até que um dia o Tiago Nunes saiu do Athletico e colocaram no seu lugar o Eduardo. Pronto, era tudo que o menino-técnico precisava. Oportunidade. Agora invicto no comando do time, já está sendo chamado de garoto prodígio. Pela campanha arrisco, habemus técnico!!

SEMANA CHEIA
Hoje lançamento do livro da nossa colega Kátia Muniz, Gavetas Não Sabem Ler. Também o início da campanha de prevenção do diagnóstico do câncer bucal, parceria Prefeitura de Paranaguá e Hospital Erasto Gaertner. Não esqueçam do Edital de Serviço público, com vagas para diversos empregos. Rio Branco intensifica os treinamentos, possibilidade primeiro coletivo. Se aproxima a data de decisão da Copa Litoral Mário Roque. De fato uma semana cheia.

PARA KÁTIA MUNIZ
“O livro é um mudo que fala”, Padre Antônio Vieira.
 

Continuar lendo
Publicidade