Connect with us

Semeando Esperança

Viver com sabedoria!

A sabedoria se revela no agir com bom senso e na retidão.

Publicado

em

A sabedoria se revela no agir com bom senso e na retidão. Ela não acompanha os diplomas, pois não está ligada, necessariamente, ao grau de instrução de uma pessoa. Quem é sábio “tem os olhos abertos, mas o insensato caminha na escuridão” (Ecl 2,14). Isso Jesus nos ensina no Evangelho deste domingo: Lucas 12,13-21.

O desenvolvimento dos estudos bíblicos nos dá condições para conhecer melhor a realidade social e econômica do tempo de Jesus, aquela mesma que ele viveu. Enquanto em algumas cidades crescia a riqueza, nas aldeias aumentava a fome e a miséria. Enquanto os camponeses ficavam sem terras, os latifundiários construíram celeiros cada vez maiores.

Jesus nos mostra como a ganância é uma atitude profundamente contrária ao projeto desejado por Deus, o qual tem no coração um mundo mais humano para todos. A parábola do Evangelho denuncia os abusos cometidos pelos latifundiáriose deixa claro como é insensato este modo de viver. “Atenção! Tomem cuidado contra todo tipo de ganância, diz Jesus, porque, mesmo que alguém tenha muitas coisas, a vida de um homem não consiste na abundância de bens”.

Um rico proprietário de terras é surpreendido por uma grande colheita e não sabe como agir. “O que vou fazer?” A melhor solução que ele encontrou foi destruir seus celeiros e construir outros maiores. Armazenará ali toda a sua colheita, acumulando, assim, bens para muitos anos. De agora em diante, só viverá para desfrutá-los, dizendo a si mesmo: “Meu caro, tu tens uma boa reserva para muitos anos. Descansa, come, bebe, aproveita!”. Porém, de forma inesperada, Deus interrompe os seus projetos: “Insensato, esta mesma noite, pedirão de volta a tua vida, morrerás. E para quem ficará tudo o que acumulaste?”.

Este homem rico reduz sua existência a acumular e a desfrutar os bens que juntou. No centro da sua vida, está ele sozinho e seu bem-estar. Deus está ausente. Os trabalhadores que trabalham as suas terras não existem. As famílias das aldeias que lutam contra a fome não contam. O julgamento de Deus é retumbante: esta vida é apenas tolice e insensatez. A ganância é loucura, e não sabedoria.

As consequências são terríveis, também em nossos dias: pouco a pouco vão sendo banidas da sociedade a cooperação, a solidariedade e a busca do bem comum. Crescem a miséria e a depressão. E o que dizer da destruição da natureza, provocada pela ganância de uns poucos grupos, em nome de um pretenso “progresso”?

Com sabedoria se constrói a casa (Pr 24,3), mas a ganância pode destruí-la.

Enfim, neste domingo, dirijo uma especial e carinhosa saudação a todos os padres, pois, na Igreja Católica, no dia 4 de agosto, festa de São João Maria Vianney, um pároco admirável, se comemora o Dia do Padre. A esses homens dedicados – e nem sempre compreendidos – minha gratidão e oração. Coragem, queridos padres! Deus os abençoe.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.