Connect with us

Segurança

Corpo de Bombeiros e Defesa Civil estão em prontidão quanto às tempestades no litoral

Comandante do 8.º GB e coordenador da Defesa Civil, tenente-coronel Gerson Gross, destaca atendimento

Publicado

em

O comandante do 8.° Grupamento de Bombeiros (8.º GB) e coordenador regional da Defesa Civil, tenente-coronel Gerson Gross, concedeu um balanço sobre a situação dos alagamentos em Guaratuba ocorridos no sábado, 16, e domingo, 17. A enchente foi a maior ocorrida durante a temporada de verão 2018/2019 em todo o litoral e também foi um alerta para moradores e turistas da região quanto à necessidade de atenção e contato contínuo com a Defesa Civil e Corpo de Bombeiros no caso de incidentes. 

Gross frisou que os órgãos de segurança locais estão preparados e de prontidão para eventos meteorológicos e possíveis desastres. De acordo com o tenente-coronel, a maioria das vítimas dos alagamentos em Guaratuba já retornaram para suas casas e não estão mais no abrigo concedido pelo município. O balanço final da Defesa Civil é de que 1,2 mil casas foram atingidas e mais de 5 mil pessoas afetadas. 150 pessoas de 46 famílias necessitaram de abrigo por parte da Assistência Social. Até a terça-feira, 19, duas famílias ainda estavam abrigadas pela Prefeitura no Ginásio Municipal. “As casas deles foram mais atingidas por estarem em uma área aonde não era a permitida a construção, são próximas de rio e eram residências simples. Eles acabaram perdendo tudo o que tinham com a enchente. Então eles prosseguem no abrigo até que se possa providenciar uma nova locação para eles”, informa Gross.

A chuva acumulada em Guaratuba foi de 260 milímetros. “É um volume alto de chuva que em Guaratuba significou 60% da média para todo o mês de fevereiro”, explica Gerson Gross. “Chega um momento que o solo está encharcado e não absorve mais a água, e os rios e a terra faz com que haja inundações em alguns locais, atingindo casas e pessoas. Aconteceu também o fenômeno da maré meteorológica e astronômica, foram os picos mais altos de maré que aconteceram no domingo, 17”, ressalta, destacando que isto agravou as enchentes no município.

O comandante acrescentou que a Defesa Civil do Paraná realiza há 10 anos um trabalho de reestruturação com o programa “Cidades Exigentes”. “O objetivo é fazer com que as cidades que tenham a capacidade de retomar a sua capacidade normal após evento crítico, seja climático ou qualquer outro tipo de desastre. Foi feito treinamento da Defesa Civil dos municípios, criação de cadastro de áreas de risco, bem como obras necessárias e retirada de famílias destes locais, cadastramento de abrigos e definição de equipes e protocolos”, explica. Segundo ele, o evento climático em Guaratuba foi uma importante avaliação para estabelecimento de protocolos de ações, junto às enchentes que atingiram o litoral em março de 2011. 

“Já tínhamos definido o alerta de que haveria chuva em Guaratuba na sexta-feira, 15, em que o acumulado chegaria a mais de 200 milímetros e possibilidade de alagamento e deslizamento de encosta. As providências foram tomadas desde então, com equipes dos municípios da Defesa Civil em alerta”, afirma, destacando ainda que as pessoas que estavam no litoral receberam alerta por SMS das chuvas fortes e por aplicativo. “No domingo se chegou ao pico do acumulado de chuva, onde todas as equipes estavam prontas para atender. As pessoas foram atendidas com tranquilidade, foram retiradas pelo Corpo de Bombeiros cerca de 130 pessoas somente de áreas de risco, trabalhamos com viaturas, barcos e caminhões”, detalha.

De acordo com ele, a Prefeitura de Guaratuba tinha toda uma estrutura pronta com abrigo no Ginásio Municipal, o que gerou uma avalição positiva do trabalho conjunto entre município e Estado. “Aproximadamente 48 horas após ocorrer o evento no domingo as pessoas estavam entrando na normalidade”, ressalta.

O tenente-coronel Gerson Gross fez questão de convidar as pessoas a instalarem o aplicativo “Bombeiros Paraná” nos aparelhos celulares, ou o alerta por SMS da Defesa Civil, enviando uma mensagem de texto para o número 40-199 com o CEP de sua residência ou de outros locais de interesse em qualquer período, algo que concede alarme de tempestades, ventos fortes e outros eventos meteorológicos. Segundo ele, há uma atenção contínua com relação a possíveis deslizamentos em Guaratuba e no litoral pelo fato do acumulado de chuvas estar sendo alto durante a semana. 

“O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil estão preparados para atender a população”, afirma o comandante do 8.º GB, Gerson Gross

TEMPORAL NO LITORAL NA TERÇA-FEIRA COM VENTOS NA VILA GARCIA

“Foi um temporal muito rápido o que ocorreu na terça-feira, 18, em cinco municípios do litoral. Recebemos o alerta com uma hora de antecedência e a concentração principal foi na baía de Guaratuba e em Matinhos com raios. No olho do temporal há chuva e raio e na borda acontecem ventos por causa da variação da temperatura. A borda do temporal pegou a área de Paranaguá na divisa com Pontal do Paraná”, explica, relacionando ao derrubamento de árvores e de telhados em residências na Vila Garcia. “O vento foi forte, acabou derrubando árvores e destelhando em torno de 15 casas e uma igreja, mas nada de que fugisse à nossa capacidade de atendimento”, explica.

Segundo Gross, o caso mais grave em Paranaguá foi a queda de uma árvore na Vila Garcia que feriu duas pessoas. “Elas foram atendidas com ferimentos de médio para leve. Foram posteriormente encaminhados ao Hospital Regional do Litoral (HRL)”, explica. “Nesse tipo de temporal primeiro se inicia a parte de ventos, aí vem a chuva e após isso ocorre a tempestade de raios, neste período deve se procurar abrigo e evitar áreas abertas como praias, em questão de alguns minutos a tempestade de raios passa”, afirma o tenente-coronel.

DEFESA CIVIL E CORPO DE BOMBEIROS SEMPRE DE PRONTIDÃO

Gerson Gross afirma que o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil estão sempre de prontidão no litoral, sempre atuando para minimizar os desastres, com pronta-resposta de atendimento e auxílio ao Poder Público Municipal no que for possível preenchendo formulários para decretação de estado de emergência e disponibilização de recursos para reconstrução nas cidades. “O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil estão preparados para atender a população. O mais importante do que dar uma resposta adequada é estar preparado para o evento, o que dá mais tranquilidade para atendimento e rapidez para que a rotina nas cidades volte ao normal”, finaliza o comandante do 8.º Grupamento. 

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.