conecte-se conosco

Polícia

Denúncia leva equipes da Polícia Ambiental até área de desmatamento em Guaratuba

Uma denúncia anônima levou equipes da Polícia Ambiental até uma área no bairro Mirim onde estaria ocorrendo desmatamento de vegetação nativa

Publicado

em

Uma denúncia anônima repassada para a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Guaratuba, indicando uma área ocupada de forma irregular onde estaria ocorrendo desmatamento de vegetação nativa, levou equipes do Batalhão de Polícia Ambiental – Força Verde, até o bairro do Mirim.

A informação também indicava o uso de motosserras na limpeza de grandes áreas da região.

As ações integradas e as trocas de informações entre a administração pública municipal e a força de segurança tem resultado em ações efetivas de combate a crimes ambientais e ocupações irregulares em áreas de proteção permanente da cidade.

MOTOSSERRA

Durante o monitoramento do local indicado, os policiais não identificaram possíveis sinais de crimes ambientais cometidos na região.

Seguindo com o patrulhamento a pé, por aproximadamente meia hora, os militares encontraram um homem que havia ocupado uma área de terra e estava limpando um galinheiro improvisado.

Os policiais apreenderam uma motosserra e foi lavraram um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 5 mil

Questionado sobre a situação, ele admitiu que estava usando uma motosserra para cortar alguns galhos e troncos de árvores que já haviam caído, e voluntariamente indicou onde o equipamento estava guardado.

Ao realizar uma fiscalização no local da abordagem, a equipe constatou que o homem estava cortando de forma recorrente a vegetação baixa e construindo algumas estruturas improvisadas em uma área equivalente a 0,07 hectare, impedindo a regeneração natural de vegetação nativa em área anteriormente desmatada. 

Por conta do flagrante foi lavrado um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 5 mil. O abordado também vai responder a um Termo Circunstanciado de Infração Penal.