Connect with us

Polícia

BRUTALIDADE: Filho mata a mãe e o padrasto na zona rural de Morretes

Emerson Correia de Jesus Oliveira matou a mãe e o padrasto na localidade rural conhecida como Pantanal, em Morretes. O rapaz de 20 anos foi preso pela Polícia Militar, no sítio onde o crime aconteceu

Publicado

em

Emerson Correia de Jesus Oliveira, de 20 anos, matou a mãe e o padrasto, logo após uma discussão ocorrida no sítio onde a família morava, na localidade conhecida como Pantanal, na área rural de Morretes. O rapaz teria usado um ferro de passar roupas e um machado para executar o brutal crime.

De acordo com a Polícia Militar, Emerson teria discutido com Wanderley Cardoso de Oliveira, de 45 anos, seu padrasto, na noite de domingo, 16, e durante a confusão o agrediu com o ferro de passar roupas. A mãe do rapaz, Natália Salete Correia de Jesus, de 53 anos, tentou intervir e também foi agredida. A mulher foi esfaqueada pelo próprio filho.

Para matar as vítimas, Emerson usou um ferro de passar roupas, uma faca e um machado. Os objetos foram apreendidos pela polícia

Os dois corpos foram colocados por Emerson, em cima de uma cama, no quarto onde o casal dormia. O rapaz saiu da casa, pegou um machado e golpeou o padrasto no pescoço.

Emerson trancou o quarto e limpou o cômodo, que ficou sujo com sangue. Ele também teria limpado a sala, onde a discussão começou.

Um irmão do rapaz, de apenas 16 anos, que chegou logo em seguida, não percebeu a situação e foi obrigado a dormir em outro cômodo.

Pela manhã, os dois irmãos saíram para trabalhar em uma propriedade rural da região.

Vizinhos

Estranhando a ausência do casal, que não saiu de casa na manhã de segunda-feira, 17, vizinhos foram até o sítio da família e encontraram os dois corpos. Eles imediatamente acionaram a Polícia Militar.

Quando as primeiras equipes chegaram ao local, em uma região de difícil acesso, o fato foi constatado e a residência isolada. Socorristas do Samu também estiveram na propriedade.

Enquanto os policiais aguardavam a Criminalística e o IML – Instituto Médico Legal, os dois irmãos chegaram ao sítio.

Indagados sobre a situação, Emerson confessou ser o autor do brutal crime. Ele ainda indicou onde estavam a faca e o machado usados para matar a mãe e o padrasto. Os objetos foram apreendidos.

O rapaz recebeu voz de prisão e foi conduzido para o plantão da Polícia Civil de Morretes.

IML

Os corpos de Wanderley Cardoso de Oliveira e Natália Salete Correia de Jesus foram periciados pela Criminalística e recolhidos ao Instituto Médico Legal de Paranaguá, onde vão passar por exames complementares.

Familiares e vizinhos acompanharam a movimentação das equipes no local e lamentaram a situação. O casal e os filhos eram bastante conhecidos na região.

A Polícia Civil de Morretes abriu um inquérito e já apura outros detalhes do duplo homicídio.