Connect with us

Eleições 2020

Juiz eleitoral de Paranaguá fala da importância do voto para a democracia

Juiz Eleitoral de Paranaguá, Dr. Guilherme Moraes Nieto, enfatiza a importância do voto

Publicado

em

Juiz eleitoral

No domingo, 15, os eleitores vão para as urnas escolher quem será o prefeito e os vereadores que comandarão o seu município nos próximos quatro anos. Este é o dia do eleitor, quando o povo utiliza um dos principais pilares do processo democrático: a escolha de seu representante pelo voto.

O Juiz Eleitoral de Paranaguá, Dr. Guilherme Moraes Nieto, fala da importância do voto para a democracia. “Esse é o momento que nós temos para a escolher quem vai nos representar no Poder Público. Apesar de sermos efetivamente milhões de brasileiros que vão votar, o voto de cada pessoa pode fazer diferença. É algo clichê em se falar, mas parece que ainda assim é válido, nós temos mais legitimidade para exigir de alguém em quem a gente votou. O eleito vai representar a todos, mas se votou na pessoa você se sente mais legítimo para cobrar que ela faça um papel adequado, que represente bem e faça bem para tua cidade”, enfatiza Dr. Nieto.

Horário de Votação

Nestas eleições devido à pandemia da Covid-19, os eleitores podem votar das 7h às 17h. Pessoas com 60 anos ou mais têm horário preferencial das 7h às 10h. “É prudente destacarmos que houve uma mudança em relação ao horário em virtude da pandemia, ampliamos em uma hora a votação, antes começávamos às 8 horas, e agora vamos começar às 7 horas. Do período das 7 horas às 10, o horário é preferencial para quem é do grupo de risco, especialmente os idosos. Recomendamos que esses eleitores votem pela manhã. Se alguém necessita acompanhar uma pessoa de risco ela não vai ser impedida de votar, vai poder voltar, mas a preferência é de quem faz parte do grupo de risco”, informa Dr. Nieto.

Fiscalização

O Juiz Eleitoral também destacou a utilização das forças policiais para fiscalizar e coibir crimes eleitorais no dia da eleição.“Diversos crimes eleitorais podem acontecer no dia das eleições, dentre eles: o derrame de ‘santinhos’, apelidado como ‘voo da madrugada’, em que acontece a derrubada dos ‘santinhos’ próximos aos locais de votação, infelizmente nós também costumamos ver a corrupção, que é a compra e venda de voto, é crime tanto comprar quanto vender o seu voto, e o eleitor também comete crime se vende o seu voto, e a boca de urna que, lamentavelmente, é comum de acontecer, e esperamos que não aconteça. Teremos o patrulhamento da Guarda Civil Municipal, das Polícias Militar, Civil e Federal, que estarão à disposição da Justiça Eleitoral no domingo, quando estaremos fazendo ronda nos colégios. Se houver qualquer situação como esta, provavelmente, será possível localizar alguém destas forças de segurança, que pode ser reportado e nos repassam estas informações. De qualquer forma, o presidente de cada seção eleitoral tem o poder de polícia, limitado obviamente, mas ele pode receber esse tipo de reclamação para que seja reportado para nós verificarmos se houve alguma infração ou não”, destaca Dr. Nieto, lembrando que Paranaguá será uma das cidades no País que utilizará drone pela Polícia Federal. “Eles estarão atuando diretamente conosco, inclusive esta semana tivemos uma reunião e já estamos com tudo organizado”, completa.

Prevenção

Para finalizar, Dr. Nieto deixa um recado ao eleitor para este dia 15 de novembro. “A Justiça Eleitoral está fazendo bem e tudo o que for possível para garantir a segurança em razão da pandemia. Estaremos disponibilizando álcool em gel, proteção para os mesários, e só vai ser autorizado o eleitor votar de máscara, essas e algumas outras medidas que podemos destacar. A Justiça Eleitoral está pedindo para que se a pessoa puder levar sua própria caneta para voltar, ela já assegura um contato a menos, que também é uma proteção, é obvio que no local haverá uma caneta, porque é necessário haver a assinatura de quem vai voltar, para garantir que a pessoa está votando, mas se você levar a sua caneta você evita esse contato. Uma outra mudança importante no sistema de votação é que, a partir de agora, é uma orientação aos mesários para não reter o documento de identificação da pessoa no momento enquanto ela está indo votar. Ou seja, ela vai chegar, vai se apresentar, o mesário vai procurar o nome dela na lista, e ela vai somente mostrar o documento com foto, reiteramos que o eleitor deve levar um documento de identificação com foto, quem não levar não pode votar, o mesário vai conferir e autorizar que o eleitor vote. Ele vai votar e não precisa mais voltar para buscar o seu documento, ou seja, o único momento que haverá um contato é com a caneta, se a pessoa levar a sua caneta, ela garante que não terá contato físico com ninguém no local de votação. Por isso fazemos esta recomendação de se levar a caneta”, explica o Juiz Eleitoral.

Leia também: 45 mil seções estarão adaptadas para receber mais de 1 milhão de eleitores com deficiência

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.