Connect with us

Eleições 2020

Candidatos a prefeito deixam mensagem final aos eleitores de Paranaguá

Após divulgar propostas dos candidatos para seis áreas, Folha do Litoral News encerra série de reportagens

Publicado

em

mensagem final

Com foco no jornalismo cidadão, na comunicação como alicerce da democracia e como forma de conceder ao eleitor parnanguara uma visão construtiva política com base nas propostas, a Folha do Litoral News encerra, nesta edição, a divulgação da série de entrevistas com os candidatos a prefeito em Paranaguá. Nas eleições 2020, além dos postulantes ao cargo máximo do Executivo, o jornal divulgou propostas também de todos os candidatos a vice-prefeito que compareceram à redação nos dias das entrevistas.

No dia 2 de outubro, a FL News sorteou a ordem de entrevistas com representantes dos candidatos a prefeito e a vice que compareceram, algo que já havia sido avisado a todas as coligações previamente. Na semana seguinte, oito candidatos a vice-prefeito e nove candidatos a prefeito estiveram na redação sendo sabatinados, com respeito às medidas sanitárias de distanciamento social, higiene e uso de máscaras por todos os envolvidos. Os postulantes que não compareceram justificaram sua ausência. 

Entre os dias 15 e 22 de outubro, foram divulgadas as entrevistas com os postulantes a vice-prefeito, e desde o dia 23 até a quinta-feira, 29, foram noticiadas as entrevistas com os candidatos a prefeito de Paranaguá. Eles abordaram suas propostas para os temas educação, mobilidade urbana, geração de emprego e renda, segurança, saúde, relação com Governo do Estado (blocos de dois minutos para cada um dos assuntos) e, por fim, os candidatos a prefeito tiveram o tempo de até três minutos para emitir uma mensagem final a todos os eleitores de Paranaguá, algo que será divulgado hoje.

É válido ressaltar que a ordem em que os candidatos aparecem na matéria foi previamente sorteada com os representantes das coligações. Além de veiculação no meio impresso, as entrevistas estão disponíveis no portal da Folha do Litoral News, no endereço www.folhadolitoral.com.br, assim como a versão em vídeo. Confira: 

Fabiano Elias (Cidadania) concorre junto com o candidato a vice-prefeito Maike Santos (Cidadania)

“Parnanguaras, chegamos à reta final da campanha, durante 90 dias antes da eleição nós, do Cidadania, desenvolvemos um projeto transparente e democrático de discutir os problemas da cidade. Conversamos com todos os níveis de populares em Paranaguá, conversamos com todas as pessoas, abrimos nossos canais de Internet no Facebook, Instagram e WhatsApp para ouvir as propostas. Tiramos desta conversa um plano de governo inovador, ousado, corajoso, daquele que mostra que nós não temos amarras em lugar nenhum para que possamos enfrentar as dificuldades da cidade e entregar a vocês as melhores soluções para crescimento e justiça social e para que a cidade possa alcançar o seu lugar de um verdadeiro paraíso onde a gente possa morar. Paranaguá já foi assim, nós vimos isso acontecer, precisamos fazer com que isso retorne, que seu povo seja valorizado e que a cidade volte ao seu lugar de destaque, volte a ser a joia maravilhosa do povo paranaense. Nós apresentamos propostas para as áreas de educação, saúde, para gerar emprego e renda, segurança e, acima de tudo, para garantir a você qualidade de vida. Foram propostas diferentes, que eu tenho certeza de que você ao analisar vai pensar e vai perceber que não encontrará isso em nenhuma outra proposta entre os candidatos a prefeito deste ano. O que nós queremos é a sua confiança, queremos uma chance para mostrar que é possível mudar e fazer as coisas acontecerem. Paranaguá é uma cidade linda, com um povo maravilhoso, guerreiro e trabalhador, mas nós precisamos que o povo de Paranaguá entenda que a prefeitura é a capitã deste navio, que é a prefeitura que vai gerar a estrutura necessária para as mudanças acontecerem e não é possível mudar esta situação se você não inovar. Se você não mudar o seu jeito de votar, se você não alterar a sua forma de pensar e se conscientizar da importância do seu voto, este navio, esta nau, fica sem capitão, ou o capitão é o mesmo de todos os tempos e o caminho você já conhece, é o mesmo de sempre. Mude, acredite, faça isso acontecer, é o seu voto que vale, é um voto de cada um, de um em um, que somaremos os votos necessários para mudar o destino da cidade. Muito obrigado, Paranaguá, pela confiança, vote 23: Fabiano Elias prefeito e Maike Santos vice.”

Adriano Ramos (Republicanos) concorre na Coligação Nova Paranaguá (Republicanos, DC, PTC e Avante) junto ao candidato a vice-prefeito, Marcio Vega, o “Marcio da Max Espetos” (Avante) 

“Eu quero dizer ao eleitor parnanguara que nós somos uma nova opção para Paranaguá. O nome da nossa coligação é Nova Paranaguá e eu, como vereador no meu segundo mandato, me preparei e enfrentei diversos desafios na Câmara Municipal, isso foi importante, porque amadureci muito, conheço muito bem o Poder Legislativo e, creio, que um prefeito deve primeiro passar pelo Legislativo para depois ir ao Executivo, esta é uma opinião minha, porque eu estou ainda passando pelo Legislativo. Como vereador eu criei o gabinete dos bairros e transformei o meu carro em um gabinete. Atendi os quatro cantos da nossa cidade, por isso eu digo: eu conheço a necessidade da nossa população. Eu sei o que a nossa população passa e, principalmente, aquela população que precisa mais dos serviços públicos, que precisa mais do médico no posto de saúde, precisa dos especialistas, precisa do remédio 24 horas, aquela população que precisa da escola pública com estrutura e em tempo integral para realmente no contraturno termos outras atividades importantes para o desenvolvimento das nossas crianças, seja no esporte, cultura, reforço escolar e alimentação equilibrada e nós faremos isso na nossa gestão. A nossa população hoje vive com medo, porque a criminalidade só aumentou e nós, primeiro, já falei sobre isso e volto a falar, atuaremos pela valorização da nossa Guarda Civil Municipal e essa ligação da GCM com a valorosa Polícia Militar. Nós reconhecemos a sua importância e esta ligação entre essas duas polícias, eu tenho certeza de que isso vai dar ao parnanguara a sensação de segurança, de poder sair da sua casa com segurança, com mais tranquilidade. Paranaguá é uma cidade diferente e sabemos disso, porque Paranaguá tem a área do Porto, tem a área organizada, a área ZIP, Paranaguá tem as belezas naturais, as ilhas, o turismo rural, o turismo ecológico, e nós faremos um grande trabalho de desenvolvimento de Paranaguá. E as grandes obras, como a da ponte da Ilha dos Valadares, que está no nosso plano de governo, a população do Valadares tenha a certeza de que iniciaremos este projeto de construção da ponte. O viaduto da Roque Vernalha, que é outra obra importante, o alargamento da ponte sobre o Rio Emboguaçu, a avenida Norte Sul, e o moderno Centro de Eventos, temos que sair das barraquinhas, e a grande geração de emprego e renda. Por isso eu peço para você, vem com a gente, vem com a Nova Paranaguá. Paranaguá precisa ser uma cidade 10, por isso eu peço seu voto no 10 para que juntos nós possamos construir a nova Paranaguá.”

Julinho Lima (PATRIOTA) concorre ao lado da candidata a vice-prefeita Roselaine Barroso Ferreira (PATRIOTA)

“Quero dizer à população de Paranaguá que sou o único candidato que tem linha direta com o Governo Federal. Sou o único candidato de direita em Paranaguá, o único conservador, que tem princípios cristãos, morais, éticos. Serei o candidato que, se eleito, levarei Paranaguá à modernidade. Sei todos os canais em relação ao Governo Federal, sou o único candidato que apoia o presidente Bolsonaro, único bolsonarista. Votando em mim estaremos com o caminho aberto no Governo Federal. Agradeço a todos os lares que me abrigaram, faz um ano e meio que estou em campanha, agradeço a todas as pessoas que abriram suas portas e me ofereceram café. Tenho a certeza de que honrarei a confiança de vocês. Serei o melhor prefeito que Paranaguá já teve nos últimos 30 anos, com a administração moderna, pois Paranaguá tem um orçamento quadrianual de R$ 2,4 bilhões e ele está sendo mal gerido. Gestão moderna com um secretariado competente e técnico para fazer Paranaguá colocar os pés no século 21.” 

Emmanuel Lobo (PCO) concorre ao lado do candidato a vice-prefeito Marcos Antônio (PCO)

“Estou aqui como candidato, como centenas de outros companheiros do PCO em todo o País, não para prometer nada, não para fazer milagre, mas para chamar todos os companheiros e companheiras a lutarem contra o golpe de Estado, construírem junto conosco um partido operário revolucionário que defenda todas as reivindicações dos trabalhadores. Os últimos anos no Brasil, com o golpe de Estado, com a experiência do governo do Partido dos Trabalhadores, mostraram todos os limites da democracia, que não tem nada de democracia. É, na verdade, uma ditadura contra todos nós, trabalhadores. É por isso que a nossa mensagem não é fazer demagogia, não é prometer nada, é chamar todos os companheiros a lutarem, se organizarem em conselhos populares de saúde, como fizemos no início da pandemia, comitês de fábrica, de local de trabalho, de local de moradia e lutarem pelas suas reivindicações. O PCO tem um programa que luta pelos trabalhadores que os companheiros podem conhecer, somos o único partido que tem uma TV 24h no ar, talvez o único do mundo, temos um jornal impresso, um jornal eletrônico diário e nós fortalecemos a imprensa dos trabalhadores porque ela é a única que pode defender verdadeiramente as nossas reivindicações. O tema da nossa campanha é Fora Bolsonaro contra os golpistas e Lula presidente pelo governo dos trabalhadores. Tudo que estamos vivendo no País hoje em dia é resultado do golpe de Estado de 2016 e da fraude eleitoral que levou a extrema direita ao poder. Todos os trabalhadores sabem que se o ex-presidente Lula fosse candidato ele teria sido eleito, porque apoio popular ele tinha majoritário, como tem ainda hoje. Nenhum candidato da esquerda tem condições de enfrentar um regime golpista por dentro das instituições com apoio popular que só ele tem. É nesse sentido que o nosso partido definiu na nossa conferência o apoio desde já à candidatura do ex-presidente Lula que está com os direitos políticos cassados pela fraude da Lava Jato, porque se o povo escolhesse Lula seria o presidente, é isso que o povo quer ainda hoje. As pesquisas da imprensa burguesa tentam omitir esse dado, então o nosso partido definiu que é preciso fazer a campanha da luta contra o golpe pelo Fora Bolsonaro contra todos os golpistas e Lula presidente por um governo dos trabalhadores, que nenhuma solução vai vir de cima, é preciso que os trabalhadores se organizem para imporem suas conquistas como derrotas à burguesia, aos patrões, que são verdadeiros genocidas inimigos de todos nós, trabalhadores. Esse é o chamado do Partido da Causa Operária, vote e lute com o PCO.”

Dr. Manoel Barbosa (PCdoB) concorre ao lado da candidata à vice-prefeita Esmeralda Quadros (PCdoB)

“Amigas e amigos de Paranaguá, sou advogado trabalhista há mais de 40 anos, trabalho com sindicato, fui um dos assessores jurídicos da fundação de algumas cooperativas e da retomada de alguns sindicatos de Paranaguá. Eu sei da dificuldade do trabalhador de Paranaguá, também tenho atenção para com as empresas de Paranaguá, mesmo porque minha formação na Fundação Getulio Vargas (FGV) como MBA na área do Direito, da Economia e da Empresa. Sei da importância que tem o desenvolvimento para uma cidade. Precisamos de geração de renda, precisamos resolver a questão da moradia em Paranaguá, de uma saúde forte com o hospital municipal, nós precisamos resolver a questão da mobilidade urbana com o Fundo Municipal de Mobilidade, precisamos resolver a questão de segurança com uma Guarda Municipal cidadã, com todo apoio à Guarda, câmeras de segurança e rondas em motos. Precisamos fortalecer esta questão da segurança, pois ela é fundamental para o município. A questão maior de todas é da criação do plano emergencial de empregos, pois o emprego é a renda do cidadão, é aquilo que vai ajudar a economia a girar, vai ajudar o pequeno e grande empresário, nosso comércio, nosso serviço. Não podemos somente depender do Porto, porque cada vez os empregos no Porto serão mais raros, devido à mecanização e à automatização. Temos que gerar uma economia criativa, atrair empresas de uma forma bastante objetiva em Paranaguá, tendo mecanismos de atração, atrativos fiscais e estrutura para as empresas virem a Paranaguá. Uma questão fundamental é o funcionamento da administração pública, que deve ser transparente, eficiente e que traga à população realmente o que ela precisa. Temos que combater a corrupção, porque é um câncer que está em Paranaguá, é o que corrói as nossas riquezas. Acho que a prefeitura não é aquele pórtico encantado, onde somem os recursos públicos, onde pessoas acabam se enriquecendo com o dinheiro público, este dinheiro é do cidadão, é de cada um, que vem dos nossos impostos que pagamos todo dia, por isso tem que retornar ao cidadão e ele tem que realmente criar uma cidade como um impulsionador do progresso social, educacional, cultural, em todos os sentidos. Paranaguá é a capital do litoral do Paraná e da Região Metropolitana do Litoral. É esse o nosso objetivo e o nosso sonho para Paranaguá. Abraço a todos, até a eleição.”

Alceu Maron Filho (PROS) concorre pela coligação Paranaguá de Todos (MDB, PROS e Solidariedade) ao lado do candidato a vice-prefeito João Cláudio Marques (MDB) 

“Quero dar uma mensagem de esperança ao povo parnanguara. Eu vejo o parnanguara muitas vezes cabisbaixo, achando que não dá para fazer melhor do que está sendo feito, e eu quero propor diferente. Acho que Paranaguá pode viver dias que já viveu e há muito tempo não vive, que são tempos de vanguarda no Estado do Paraná e no Brasil. Trazer os investimentos que há tanto tempo aguarda, eventos e personalidades que sempre frequentaram Paranaguá e a faziam uma cidade dentro do País e do mundo. Hoje, Paranaguá está completamente isolada. Quero chamar você a viver um novo tempo da cidade de Paranaguá. Há muito tempo Paranaguá insiste em um mesmo grupo, nas mesmas pessoas administrando a cidade, e eu insisto em ser candidato. Porque aqueles que foram eleitos quando eu fui candidato realmente frustraram a população, por isso insisto nessa maneira de governar baseado na meritocracia, governa e tem os melhores cargos aqueles que têm mérito. Chega de empregar amiguinhos, está na hora de oferecer à população a melhor qualidade do serviço público. E isso passa pela escolha das pessoas mais qualificadas para suas áreas. Eu me honro de ter ao meu lado o vice João Cláudio, um trabalhador, um líder sindical, que vai nos ajudar a gerar mais empregos porque ele entende o que sofre o trabalhador, não só na faixa portuária, mas como um todo. Eu tenho certeza de que a dupla Alceu Maron e João Cláudio vai fazer Paranaguá, junto com o seu voto e confiança, a viver os tempos que a gente sonha voltar a viver”.

Marco Sukita (PV) concorre com o candidato a vice-prefeito Lucio José Teodoro (PV)

“Povo de Paranaguá, eu venho aqui pedir o seu voto, voto no Sukita 43. E também recebi uma mensagem que o nosso Partido Verde, junto com a nossa candidatura a prefeito, nós queremos também trazer a Sanepar para Paranaguá. A Sanepar é do Governo do Estado e pode atrair e trazer mais investimentos em Paranaguá, não só em saneamento, mas também em outras possibilidades, gerar mais empregos e também, com a tarifa social da água, que estamos implantando em Paranaguá. Com a Sanepar em Paranaguá a gente consegue reduzir o preço da tarifa de água e de esgoto para que o trabalhador, até três salários mínimos, consiga pagar uma tarifa social com um preço bem inferior do que é cobrado hoje. Com isso vai sobrar dinheiro para comida, para o remédio e também nós poderemos investir mais em Paranaguá.  Quarenta por cento da população parnanguara está inserida dentro deste projeto Tarifa Social e Tarifa Zero. É isso que queremos fazer por Paranaguá. Peço o seu voto para que isso tudo venha a acontecer com realidade e clareza. Muito obrigado, povo de Paranaguá. No dia 15 de novembro, vote Sukita, 43. Acredite, nós podemos fazer muito mais para o povo de Paranaguá e para quem mais precisa. Paranaguá, estamos certos com a vitória. Obrigado”.

Marcelo Roque (Podemos) concorre à reeleição na coligação Pra Fazer Muito Mais (Podemos, Progressistas, PSL, PL, PSB, PSDB, PSD) ao lado do candidato a vice-prefeito José Carlos Borba (PSD) 

“A mensagem que eu deixo é de uma campanha limpa, com propostas para Paranaguá, como fizemos ao longo desta caminhada e na passada, com muita humildade, transparência, olhando no olho do eleitor, dizendo daquilo que nós fizemos e daquilo que nós podemos fazer ainda muito mais para o povo de Paranaguá. Investimos em todas as áreas do município, em saúde, educação e segurança, que são o tripé de qualquer gestor público. Fizemos uma campanha sem denegrir a imagem de ninguém, uma campanha de propostas para o povo de Paranaguá. Chegamos nesta reta final com o trabalho desenvolvido por toda Paranaguá. Não tenho vaidade nenhuma de ser prefeito do município, sempre tenho falado isso, a pessoa que senta naquela cadeira e acha que a cadeira é dela está fadada a ter um insucesso, por isso tenho esta tranquilidade, de em quatro anos ter tido uma equipe coesa, que trabalhou muito por Paranaguá, sou uma pessoa que cobra muito, sou exigente, por isso as coisas andaram para a frente no nosso município. Então, eu agradeço a todas as pessoas que me receberam em suas casas com nossas propostas para fazer muito mais por Paranaguá e deixo aqui este respaldo e peço a todos o voto no dia 15 de novembro, peço para votarem no 19, no Marcelo Roque, em conjunto com a pessoa que está ao meu lado que é o Borba, é o vice, do partido do Governo do Estado, que está nos ajudando muito. Na reta final peço o apoio de todos com muita humildade e tranquilidade para poder fazer muito mais pelo povo de Paranaguá”.

José Baka Filho (PDT) concorre pela coligação Trabalho e Liberdade: Construindo uma Paranaguá para frente e melhor (PDT e PT) ao lado do candidato a vice-prefeito Ubirajara Maristany (PT) 

“Meus amigos, meus irmãos e irmãs parnanguaras, nos aproximamos do dia da eleição, tivemos uma caminhada longa, difícil, tempos de pandemia, uma campanha que não foi a melhor. Se eu não consegui chegar a sua casa até hoje, me perdoe, mas nós chegaremos com certeza durante os próximos quatro anos. Queremos colocar Paranaguá de volta no patamar da alegria, onde o parnanguara tenha orgulho da sua cidade. Lembro das grandes festas e comemorações que fazíamos, trazendo grandes artistas, shows, um carnaval maravilhoso, atraindo muitos turistas para Paranaguá. Aquele tempo bom queremos trazer de volta. De volta para você, meu irmão e irmã parnanguara, aquele tempo da escola integral, em que não existia uma criança na rua, todas estavam sendo atendidas pela prefeitura nas creches ou nas escolas em tempo integral. Aquele tempo que o jovem tinha o programa Pró-Jovem, cujo secretário era o nosso viceprefeito hoje, o Bira Maristany, que conseguia colocar muitos estagiários em várias empresas e na própria prefeitura. Qualificar o jovem, trazer empregos, fazer com que a nossa cidade se torne um polo de tecnologia da informação, que é a sociedade do século XXI. Paranaguá nestes oito anos praticamente ficou fora, calada, perdeu sua aura em que se chegava em qualquer setor do Governo do Estado e Federal e todo mundo falava bem de Paranaguá. Hoje, isso acabou e nós vamos retomar esse tempo bom. Por isso colocamos a nossa candidatura, estamos aqui pedindo o seu voto e da sua família, o seu voto de confiança para que a gente possa fazer com que a nossa cidade volte a crescer de forma segura, equilibrada. Que as pessoas que estejam vivendo, lamentavelmente, em áreas de risco possam ser recolocadas em lotes urbanizados, em casas do programa Minha Casa, Minha Vida, em lugares mais adequados para se viver. Que aquele pai que está desempregado possa encontrar o seu emprego e trazer o sustento honesto para sua família. Esse é o nosso desejo, uma nova entrada para Paranaguá, onde o parnanguara não tenha vergonha, esse recurso nós vamos buscar dos governos do Estado e Federal. Esse cheiro do porto que, quando o sol levanta, a cidade toda fica empesteada, nós temos que trabalhar na limpeza, para que o parnanguara tenha cada vez mais orgulho da sua cidade. Peço a você, de coração, vote Baka, vote 12, nesse dia 15 de novembro”.

*O candidato a prefeito Aramis Soares do Nascimento, o “Pichaco” (DEM), justificou sua ausência.

Leia também: Justiça Eleitoral inicia envio das urnas para os locais de votação em Paranaguá