Connect with us

Coronavírus

Vacinação completa com a primeira e segunda dose contribui na proteção contra variante delta da Covid-19

Informação foi repassada pelo Instituto Butantan

Publicado

em

Todos os órgãos científicos apontam a importância da imunização completa contra a Covid-19, algo que foi intensificado na última quarta-feira, 7, onde o presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas, destacou que tomar a primeira e segunda dose da vacina contra o Coronavírus, conforme recomendação dos fabricantes, contribui diretamente na proteção contra a variante delta  (B.1.617.2 ou indiana) do SARS-CoV-2. Com isso, fica reforçada a importância da imunização completa com as vacinas que exigem duas doses, como a CoronaVac, a AstraZeneca e a Pfizer, que estão sendo aplicadas no Brasil. 

“O fato de você ter a imunidade completa ajuda e ajuda substancialmente”, afirma o presidente do Butantan. “Essa variante delta é uma preocupação não só do Brasil, mas do mundo. Nesse momento é a variante que penetrou o maior número de países e surpreendeu nações como Israel e Reino Unido, onde já está presente em percentuais elevados. A tendência, dado que ela é mais rápida na sua disseminação, é que seja a variante que vai predominar no mundo”, completa Dimas Covas.

Segundo Covas, a CoronaVac, vacina do Butantan e da farmacêutica Sinovac contra o Coronavírus, já foi testada em laboratório na China e teve bom desempenho contra essa cepa. “Os resultados foram muito animadores. A vacina apresenta uma resposta adequada contra a variante em laboratório”, garante.

O presidente defende que a aplicação da segunda dose seja antecipada para imunizantes que  necessitam de três meses de intervalo. Ele reforçou que a CoronaVac completa seu esquema vacinal em até 28 dias – ou seja, “a imunização se torna efetiva mais rapidamente do que a maioria das outras vacinas em uso no Brasil”, salienta o Butantan.

Qual variante irá predominar no Brasil?

Dimas Covas afirmou que a dúvida dos cientistas é qual variante irá predominar no Brasil daqui para frente – entre elas consta a delta ou a gama (P.1, amazônica). “Atualmente, a gama é responsável por cerca de 90% dos casos de Covid-19 no estado de São Paulo, conforme acompanhamento da Rede de Alertas das Variantes do SARS-CoV-2. O período de infecção da variante gama é duas a três vezes mais rápido do que a cepa original do vírus”, informa o Instituto Butantan

“A pergunta aqui no Brasil é qual será a variante que vai dominar nos próximos meses. Obviamente, a que for mais infecciosa em termos de transmissão tende a se tornar dominante. Daí a importância fundamental nesse momento de fazermos o acompanhamento das variantes”, destaca o presidente.

Segundo o Butantan, a entidade conta com a Rede de Alertas das Variantes do SARS-CoV-2, coordenada pelo instituto junto a laboratórios públicos e privados com o objetivo de identificar as linhagens do SARS-CoV-2 em circulação em São Paulo. “Esse acompanhamento é fundamental para mostrar qual será a evolução da variante delta aqui no nosso meio”, finaliza Covas. 

Com informações do Instituto Butantan

Foto: Divulgação

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.