conecte-se conosco

Coronavírus

Apresentando redução, taxa de transmissão da Covid-19 atual no Paraná é de 0,76

Dados foram obtidos da Loft.Science

Publicado

em

Na quarta-feira, 7, o sistema Loft.Science, utilizado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) para análise técnica da pandemia no Paraná, demonstrou que o Estado registra uma taxa de transmissão (Rt) atual de 0,76, número inferior ao que foi apresentado na segunda-feira, 5, que era de 0,86. O dado científico demonstra uma diminuição momentânea da pandemia no contexto paranaense, visto que a queda da taxa Rt têm sido constante na última semana. O número da última taxa de transmissão divulgado significa que 100 pessoas com Coronavírus no Paraná podem contaminar, em média, 76 novas pessoas.

Segundo a Sesa, a redução da taxa Rt indica também a velocidade de contágio pelo vírus no Paraná. De acordo com a pasta, o sistema Loft.Science “calcula o Rt médio de todos os Estados e do Brasil com base em um algoritmo desenvolvido pela empresa”, complementa. “O Rt indica quando o contágio pelo vírus está acelerado (maior que 1), estável (igual a 1) ou em remissão (menor que 1) – único cenário que aponta uma melhora na situação epidêmica. Quanto mais próximo de zero, menores as chances de contágio”, explica.

“O Paraná está em remissão desde 1º de julho, quando a Rt passou de 1,09 para 0,99. Desde então, o número está em queda, apontando para uma tendência de redução da transmissão no Estado”, afirma a Secretaria de Saúde.

Além do uso de máscaras e distanciamento social, apontados pelo Loft.Science como itens que diminuem a circulação do vírus, a redução também está atrelada ao avanço na vacinação contra a Covid-19, aponta a Sesa. Até às 8h13 da manhã da sexta-feira, 9, 4.735.708 paranaenses haviam recebido a primeira dose da vacina, 1.846.939 e 282.080 a dose única, ultrapassando mais de 6 milhões de pessoas vacinadas no Estado. 

“Alcançamos mais um importante marco na imunização da população paranaense. O quantitativo de doses recebidas tem aumentado e isso vai nos facilitar na tarefa de vacinar a população toda. Com vacinas à disposição, temos condições de vacinar mais paranaenses e fazer com que a circulação do vírus, o número de casos e a ocupação dos leitos hospitalares possam diminuir”, afirma o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

O que é taxa Rt?

Segundo o Loft.Science, o Rt é conhecido como o número de reprodução eficaz. “É o número médio de contágios causados por cada pessoa infectada em um determinado ponto no tempo, levando em consideração mudanças no nosso comportamento (quarentena, uso de máscaras, home office, etc). Um Rt de 3–4 infectará virtualmente toda a população, enquanto um Rt de 1.5 pode ainda alcançar 60% da população. Somente se o Rt for menor do que 1, a epidemia irá diminuir de tamanho até ser eliminada”, detalha.

“Nosso modelo produz uma estimativa de Rt para cada um dos estados brasileiros, com um intervalo crível de 90% de probabilidade”, finaliza a Loft.Science.

Com informações da Sesa/AEN

Foto: Freepik

Em alta