Connect with us

Coronavírus

Vacina e spray nasal contra a Covid-19 são desenvolvidos pela UFPR

Objetivo é desenvolver mecanismos científicos nacionais

Publicado

em

A ciência brasileira está desenvolvendo mecanismos para o enfrentamento à pandemia da Covid-19, que deverá ser feito continuamente nos próximos anos. No Paraná, um exemplo disso é a vacina que está sendo desenvolvida pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) contra o Coronavírus. O imunizante deverá encerrar a fase de testes pré-clínicos até o final de 2021 e possivelmente será disponibilizado à população em 2022, uma vez aprovados os testes pré-clínicos e clínicos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e órgãos fiscalizatórios.

“A vacina usa insumos nacionais e tem tecnologia de produção 100% desenvolvida na UFPR, fruto de pesquisas realizadas com biopolímeros biodegradáveis e com partes específicas de proteínas virais. Outro ponto positivo é o custo de produção. De acordo com os pesquisadores, hoje são gastos menos de cinco reais para fabricar cada dose”, informa a assessoria da UFPR. Além disso, segundo os pesquisadores, o imunizante possui características multifuncionais. “Isto quer dizer que pode ser recombinada para servir como imunizante para outras doenças, como dengue, zika vírus, leishmaniose e chikungunya”, completa.

“Esta vacina vai ser estratégica e necessária em 2022, em 2023, quem sabe até depois. É uma vacina paranaense, uma vacina de baixíssimo custo, que pode dar as condições no futuro para uma soberania tecnológica, que hoje tem afligido nossa sociedade, com a espera de IFA (ingrediente farmacêutico ativo) da Índia, da China. É uma vacina com um mecanismo tecnológico e imunização que até aqui se demonstrou bastante alvissareira”, afirma o reitor da UFPR, professor Ricardo Marcelo Fonseca.

Outro importante avanço da vacina da UFPR é a possibilidade de que ela seja transportada em pó para as localidades de vacinação, facilitando a logística de transporte e armazenamento no País, barateando o custo e facilitando o processo. “Ou seja, queremos remover todo o líquido, transformar essa suspensão de partículas em um pó para transportar e armazenar desta maneira até o momento da administração. Pode ser uma vantagem pensando na infraestrutura brasileira”, explica o professor da universidade, Marcelo Müller dos Santos.

Spray nasal

Spray nasal, ainda em fase de estudos, bloquearia o vírus logo nas vias respiratórias e reduziria transmissão (Foto: Ilustração/Getty Images)

Outra abordagem de enfrentamento à pandemia desenvolvida pela UFPR é o estudo para uma possível preparação nasal de combate ao Coronavírus, uma vez que o Sars-Cov 2 adentra pelas vias respiratórias. “Se nós tivermos uma proteção nas vias respiratórias, isso impede que o vírus se dissemine no organismo”, afirma o professor Emanuel Maltempi de Souza. De acordo com ele, o spray demonstrou bons resultados na imunização e criou uma barreira para o vírus bem na porta de entrada do corpo humano. 

“Isto pode ser feito com uma adaptação das partículas. O imunizante continua o mesmo, mas a partícula é modificada. (…) Elas foram capazes de ativar o sistema imune e gerar anticorpos, inclusive do tipo IgA, que são anticorpos que normalmente são produzidos pelo sistema imune nas mucosas”, explica o professor.

Segundo o professor Breno Castello Branco Beirão, o imunizante em spray também reduz a transmissão do Coronavírus. “Nas formas injetáveis da vacinação o efeito sobre a transmissão do vírus é menor. Então, a gente tem essa expectativa de que a vacina poderá, eventualmente, ser administrada dessa forma. Os testes das duas formas avançam paralelamente”, completa.

“No momento, a equipe está medindo a concentração de anticorpos gerados por esta via de imunização em camundongos. Uma das possibilidades é a proposição de uma proteção associada entre vacina e preparação nasal, para garantir a não-propagação do vírus mesmo após a imunização”, finaliza a assessoria da UFPR.

Com informações da UFPR

Foto: Marcos Solivan (Sucom UFPR)

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.