Connect with us

Coronavírus

MAE segue fechado ao público durante pandemia da Covid-19

Trabalho remoto para funcionários e higienização do espaço estão sendo realizados

Publicado

em

O Museu de Arqueologia e Etnologia de Paranaguá, pertencente à Universidade Federal do Paraná (UFPR), um dos principais pontos turísticos e culturais do litoral paranaense, teve seu funcionamento totalmente paralisado devido à pandemia do novo Coronavírus. Segundo a assessoria, desde a segunda quinzena de março o museu está fechado para visitação de turistas e não há nenhum tipo de atendimento externo por prazo indeterminado, algo necessário para fortalecer o isolamento social, principal forma de prevenção à Covid-19.

Totalmente fechado para turistas e visitantes locais, um dos focos do MAE foi garantir o isolamento social dos seus colaboradores. “Os funcionários pertencentes ao grupo de risco (idosos e com outras comorbidades) foram imediatamente afastados, tanto diretos como terceirizados. Os servidores  diretos estão fazendo trabalho remoto e comparecendo uma vez por semana ao prédio para fazer inspeções e verificar a situação dos terceirizados que permaneceram no local para os serviços de vigilância, limpeza e conservação”, completa a assessoria do MAE.

Segundo MAE, desde março, está sendo realizado distanciamento social total para prevenção à Covid-19

O lema do MAE neste momento de pandemia é distanciamento social total. “Ninguém acessa o museu, apenas os setores de vigilância, limpeza e conservação, limitado a dois funcionários por dia que ocupam pavimentos diferentes dentro do prédio”, complementa.

“O número de visitantes é zero desde a segunda quinzena de março. Todos os grupos e escolas que tinham visitas agendadas tiveram o agendamento cancelado, como também todos os eventos que seriam realizados no auditório foram desmarcados”, finaliza o MAE. O prazo para que o espaço retorne ao funcionamento é indeterminado.