Connect with us

Ciência e Saúde

Paranaguá inicia Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação

Paranaguá tem, aproximadamente, 11 mil crianças na faixa etária de 12 meses a menores de cinco anos (Foto: Sesa)

Publicado

em

Paranaguá inicia Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação foi antecipada no Paraná, uma semana antes que em outras regiões do País, e Paranaguá está com a ação em todas as unidades básicas de saúde. As doses contra o sarampo também são disponibilizadas, sendo que a campanha segue até o dia 30 de outubro.

A equipe técnica da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) elaborou diversas estratégias que serão colocadas em prática para chamar a atenção da população sobre a necessidade em cumprir o calendário e as doses de vacinas disponíveis na rede pública de saúde.

“A vacinação é o dever de casa. O Estado não vacina, quem vacina é a equipe dos municípios. Mas somos o indutor, o articulador deste processo. Por isso, é nosso dever organizar e ampliar a nossa cobertura vacinal no Paraná”, afirmou o secretário Beto Preto.

Poliomielite 

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Paranaguá, os pais ou responsáveis podem sanar suas dúvidas na unidade mais próxima de sua residência com a carteira de vacinação da criança e/ou adolescente. “Como é necessário verificar na carteira de vacinação as doses faltantes e orientar o cidadão quanto à atualização e sobre a Poliomielite, é importante que o interessado se dirija até a unidade”, frisou a secretaria.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite é dirigida a crianças de 12 meses a menores de cinco anos. A meta é atingir o índice de 95% de cobertura vacinal. Em Paranaguá, são, aproximadamente, 11 mil crianças. Os interessados podem se dirigir à unidade básica de saúde mais próxima de sua residência com a carteira de vacinação da criança e Cartão SUS também para sanar as dúvidas. 

A poliomielite é causada por vírus, pode afetar os nervos e levar à paralisia parcial ou total. Apesar de também ser chamada de paralisia infantil, a doença pode afetar tanto crianças quanto adultos. A vacinação é a única forma de prevenção.

Multivacinação

A Campanha de Multivacinação tem o objetivo de atualizar a caderneta de vacinação da criança e do adolescente menor de 15 anos de idade. Nesse caso, a equipe da Unidade Básica de Saúde verificará quais vacinas precisam ser atualizadas. Também é preciso levar a carteirinha de vacinação e Cartão SUS.

Sarampo

Além das duas campanhas, a vacinação contra o sarampo também continua até 30 de outubro para pessoas com idade entre 20 e 49 anos. Em Paranaguá, são mais de 55 mil pessoas nessa faixa etária. Além desse grupo, as pessoas que não têm registro da vacina na carteira de vacinação ou não lembram se já foram imunizadas, também devem receber a dose. 

Extramuros

Para levar a vacinação para mais perto da população, ações extramuros serão realizadas durante a campanha. De 30 de setembro a 2 de outubro, a equipe da Secretaria Municipal de Saúde estará com o “Vacina Móvel” na Vila Santa Maria atendendo os moradores naquela região com a atualização do calendário vacinal, doses orais contra a poliomielite e aplicação de vacina contra o sarampo. Na próxima semana, os profissionais de saúde estarão na região da unidade de saúde Dona Baduca. 

As equipes que já realizam o atendimento nas comunidades marítimas também percorrerão essas regiões com doses das vacinas.

Com informações da Sesa e da Secretaria Municipal de Saúde