Connect with us

Semeando Esperança

Pentecostes: suave ventania

Publicado

em

Uma grande festa requer longa preparação e não menor duração; tem início, realização e conclusão. Isso acontece nas comemorações sociais e também nas celebrações da Igreja.A Páscoa, a maior de todas as festas, é preparada pelo tempo da Quaresma, desde a Quarta-feira de Cinzas até a tardezinha da Quinta-feira Santa, e inclui 6 domingos. Ela é celebrada de modo solene, profundo e festivo no Tríduo pascal de Cristo Crucificado, Sepultado e Ressuscitado. Ao proclamar a ressurreição de Jesus, essa alegria se estende por 50 dias, até o 8º domingo, isto é, hoje, quando celebramos Pentecostes. 

Em Pentecostes, festa do povo de Israel, os discípulos de Jesus estavam reunidos em Jerusalém. Nesta ocasião, o Espírito Santo se manifestou: houve um vento forte e apareceram línguas como se fossem de fogo que pousaram sobre eles. Então Pedro falou aos que ali se reuniram, explicando o que estava acontecendo e anunciando-lhes o mistério da salvação realizado em Cristo, crucificado pelos homens e ressuscitado pelo poder de Deus. Essa pregação levou muitos à conversão e a se unirem em comunidades com Pedro e os outros discípulos e discípulas de Jesus. Pregação, conversão e comunhão fraterna, características essenciais da fé cristã, que jamais podem ser desconsideradas pelas lideranças que anunciamos Jesus Cristo.

Isso, anunciar Jesus Cristo, na força do Espírito, tornou-se também o sonho do jovem Charles de Foucauld (1858-1916), um homem para os nossos tempos. Nele, o “vento impetuoso” de Pentecostes foi se mostrando pouco a pouco uma “suave ventania”, que o impeliu por caminhos diversos daqueles que ele havia traçado para si.

Cuidado pelo avô desde que ficara órfão aos 6 anos, Charles iniciou a carreira militar. Durante a adolescência deixou de lado a fé até que, durante uma perigosa exploração em Marrocos, não apenas se questionou “Deus existe?”, mas também fez um pedido: “Se existes, deixa-me conhecer-te”. Era um jovem em busca do sentido da vida. E pode descobrir pouco a pouco o que o Senhor esperava dele: pelo Espírito, falar ao coração das pessoas, vivendo a fraternidade no dia a dia, com quem estava ao seu redor, especialmente o povo tuaregue. Ele compreendeu isso de modo inesperado. Ele ficou gravemente enfermo e foi salvo da morte pelos cuidados recebidos justamente dos tuaregues. Encontrou sua missão: viver a fraternidade com os que o rodeavam e testemunhar a alegria cristã no cotidiano.

Desse modo, Charles de Foucauld é um itinerário vivo de quem deseja encontrar Deus e adorá-lo e, por isso, viver a fraternidade e o amor. E fez essa experiência vivendo como cristão entre os muçulmanos.

Percebendo, infelizmente, a crescente onda de violenta intolerância e, ao mesmo tempo, a tristeza pelos efeitos deste tempo de pandemia, não deveríamos ser testemunhas mais autênticas de fraternidade e de alegria, a exemplo de Charles de Foucauld?

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.