conecte-se conosco

Educação com Ciência

Provas do Saeb serão aplicadas a partir deste mês na rede estadual do Paraná

Objetivo da avaliação é fazer um diagnóstico da educação básica

Publicado

em

Na rede estadual do Paraná, participarão os estudantes dos 5.°e 9.° anos do ensino fundamental e das 3ª e 4ª séries do ensino médio regular e profissional / Foto: Lucas Fermin/Seed-PR

A realização das provas vai até o dia 10 de novembro

Serão aplicadas a partir de 23 de outubro as provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) 2023, conjunto de testes que têm o objetivo de fazer um diagnóstico da educação básica brasileira, incluindo escolas públicas e privadas. Na rede estadual de ensino do Paraná, participarão das provas os estudantes dos 5.° e 9.° anos do ensino fundamental e das 3ª e 4ª séries do ensino médio regular e profissional. A realização vai até o dia 10 de novembro.

O Saeb também será fundamental para a próxima nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do Paraná, que é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e das médias de desempenho no Saeb. O Paraná alcançou a melhor nota do Brasil no Ensino Médio na última edição do Ideb.

Os testes abrangem o desempenho dos estudantes nos componentes curriculares de matemática e língua portuguesa, servindo como ferramenta de monitoramento da aprendizagem. Além dos testes, o Saeb contempla também questionários que devem ser respondidos por secretários municipais de Educação, diretores de escolas, professores e estudantes.

Ferramenta crucial para avaliar a qualidade do sistema educacional brasileiro, o Seab fornece dados e indicadores que permitem avaliar o desempenho das escolas e redes de ensino do País, além de evidenciar as áreas em que os alunos têm melhor desempenho e aquelas em que há desafios – um diagnóstico essencial após os impactos da pandemia.

“Os resultados do Saeb são importantes para escolas e professores no planejamento de estratégias de ensino. Eles podem fornecer insights sobre as áreas que precisam de mais atenção e orientar a elaboração de planos de melhoria educacional”, afirma o secretário de Estado da Educação, Roni Miranda.

Os testes abrangem o desempenho dos estudantes nos componentes curriculares de matemática e língua portuguesa
Foto: Lucas Fermin/ Seed-PR

EDUCAÇÃO ESPECIAL

Os estudantes da educação especial, matriculados em turmas selecionadas para as aplicações do Saeb 2023, também participam da avaliação. Poderão receber atendimento especializado os alunos que já tenham sido informados no Censo Escolar como estudantes vinculados a uma turma que fará o Saeb. Caberá às instituições de ensino solicitar o atendimento.

O Saeb viabilizará as seguintes formas de atendimento especializado na edição de 2023: recursos e profissionais oferecidos pela escola participante; tempo adicional para a realização dos testes; sala extra, com agrupamento adequado às necessidades educacionais especiais; e instrumentos adaptados para estudantes com baixa visão (exclusivo para aqueles que tenham declarado baixa visão no período de coleta do Censo Escolar).

Fonte: AEN

plugins premium WordPress