conecte-se conosco

Valmir Gomes

SHOW DO GRÊMIO

O Grêmio, campeão da América, tinha difícil compromisso, ia receber a visita do Cerro Porteño líder do seu grupo na Libertadores.

Publicado

em

O Grêmio, campeão da América, tinha difícil compromisso, ia receber a visita do Cerro Porteño líder do seu grupo na Libertadores. Com casa cheia e muita motivação, o time do Renato Portaluppi, não tomou conhecimento dos paraguaios, meteu cinco buchas e deu um show. O que se imaginava difícil, ficou fácil, pela grande atuação do tricolor gaúcho. Às vezes, comparam o Grêmio do Renato ao Atlético do Diniz, me desculpem não tem nada a ver. O rubro-negro paranaense troca centenas de passes sem objetividade na sua própria defesa, enquanto o tricolor gaúcho envolve o adversário com tabelas e triangulações no rumo do gol contrário. São estilos sem comparações.

EMPATE DO TUBARÃO
O Londrina vinha de vitória contra a Ponte Preta, o Fortaleza líder da segundona com três vitórias consecutivas. Imaginava um bom jogo. Não foi o que aconteceu, tivemos uma partida fraca tecnicamente e um empate justo. Me parece faltar força ofensiva ao Londrina, menos mal que se defende bem. Taticamente o Tubarão está bem armado, porém falta maior qualidade individual aos atacantes. 

OESTE X CORITIBA
Na sexta-feira, o Coxa vai enfrentar o Oeste em busca de uma melhor colocação na tabela. Com 6 pontos, o Coritiba é o oitavo colocado, quatro pontos atrás do líder Fortaleza, enquanto o Oeste está abaixo com 4 pontos. O time do goleiro Wilson começa reagir na segundona, porém o técnico Eduardo Baptista vai ter trabalho dobrado, para colocar ordem na casa. O seu time alterna bons e maus momentos com extrema facilidade.

O CANTO DE ODAIR JOSÉ 
Outro dia assisti a um programa dedicado ao cantor e compositor Odair José, fui prestar atenção na sua poesia, na música das suas canções e na sua interpretação. Na calada da noite o que mais me chamou atenção foram seus versos. De repente, o próprio Odair José fala que não assiste ao DVD do seu show, e que não gosta de se ver cantando. Foi mais longe, disse que o empresário e diretor artístico Ronaldo Bôscoli, de saudosa memória, falou certa vez.” Odair José é o Bob Dylan da Central do Brasil, o cantor dos frascos e comprimidos.” Depois destas, dizer o quê?  Era melhor Odair José ficar calado no seu canto, sem falar sobre o seu canto. Seus fãs agradecem.

DIEGO AGUIRRE
O técnico do São Paulo uruguaio Diego Aguirre, deu uma boa entrevista ao André Henning no Esporte Interativo. Autor do gol que deu o título da Libertadores ao Penarol em 1987, Diego além de ter sido bom jogador faz interessante carreira como técnico. Elogiou Oscar Tabarez, o técnico uruguaio que virou lenda, falou bem do Rodrigo Caio seu zagueiro selecionável. E disse maravilhas da dupla de atacantes Suarez e Cavani, que jogam juntos há dez anos na seleção do Uruguai. Mostrou carinho pelo Internacional, clube que lhe dispensou, apesar da boa campanha. Me contaram que Diego Aguirre sabe os atalhos do futebol e, além disto, é gente da melhor qualidade. Sorte, Aguirre.

Continuar lendo
Publicidade