conecte-se conosco

Valmir Gomes

Ave, Nossa Senhora do Rocio

Não tem como deixar de escrever sobre a Procissão Solene do Retorno da Nossa Senhora do Rocio, ao Santuário de todos os católicos paranaenses.

Publicado

em

Não tem como deixar de escrever sobre a Procissão Solene do Retorno da Nossa Senhora do Rocio, ao Santuário de todos os católicos paranaenses. Milhares de devotos caminharam com velas acesas em homenagem a Santa, com cânticos e rezas. Foram momentos de extraordinária fé na padroeira do Estado do Paraná. Por seus milagres, minha família é prova disto, a querida mãe de todos nós, a cada dia que passa tem mais fiéis do que muitos imaginam. Ave, Nossa Senhora do Rocio.

 

AS GAVETAS DA KATIA MUNIZ

Com alegria recebi o convite do lançamento do livro GAVETAS NÃO SABEM LER da nossa querida colega Katia Muniz. Português perfeito, visão ampla do nosso cotidiano, experiência e competência na escrita. Imagino que a sua obra seja uma lição para todos nós. Farei o possível para estar na fila dos autógrafos, no próximo dia 26 de novembro, a partir das 19h30, na sede da ACIAP, Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Paranaguá, Rua Rodrigues Alves, 621 Centro Histórico. Até lá, minha gente.

 

CONSCIÊNCIA NEGRA DO CHICO DA MATILDE, O DRAGÃO DO MAR

O prático Francisco José do Nascimento, homem pardo, elegante, simples, honesto, que aprendeu a ler com 20 anos, deu um basta aos navios negreiros. "De hoje em diante no Ceará não se embarca mais escravos". Era agosto de 1881, portanto anos antes da abolição da escravatura. Foi duro, duríssimo, lutar e vencer o sistema escravagista da época. Com bravura e argumentos, Francisco, conhecido também como Dragão do Mar e Chico da Matilde, cumpriu sua promessa. Disse mais. "Não há força bruta neste mundo que faça reabrir o Porto do tráfico negreiro no Ceará". Era o primeiro passo para a Lei Áurea que viria anos depois. Nesta semana em que se celebra o Dia da Consciência Negra, é muito bom lembrar o feito  e fazer justiça ao verdadeiro Dragão do Mar.

 

FLAMENGO IMPOSSÍVEL COM DESABAFO DE JORGE JESUS

Para não dizer que não falei das flores, como disse um dia Geraldo Vandré, o Flamengo ganhou mais uma, desta feita do Grêmio em Porto Alegre por 1 x 0 com time reserva. No final umas verdades do técnico Jorge Jesus. Disse ele aos repórteres. "Não vim tirar o lugar de ninguém. Não sou melhor nem pior do que ninguém. Portugal recebeu Scolari (o nosso Felipão), Paulo Autuori, Rene Simões, Abel Braga, muito bem, sem nenhum preconceito". Verdades. Gente, não existe técnico velho e ultrapassado, ou jovem sem experiência, muito menos estrangeiro ou nacional. Existe técnico competente ou incompetente. Com bom plantel ou plantel fraco tecnicamente. O resto é perfumaria barata.

 

 

Continuar lendo
Publicidade

Em alta