Connect with us

Valmir Gomes

A DOENÇA DOS TÉCNICOS

Ganhou manchete a operação do técnico do Grêmio, Renato Gaúcho, no final do ano. Isto me levou a buscar a causa de tantos problemas de saúde com nossos técnicos nos últimos tempo.

Publicado

em

Ganhou manchete a operação do técnico do Grêmio, Renato Gaúcho, no final do ano. Isto me levou a buscar a causa de tantos problemas de saúde com nossos técnicos nos últimos tempo. Lá atrás Tele Santana, Rubens Minelli, Zagallo foram os primeiros a padecer do que chamo de doença dos técnicos. Depois o grande Murici Ramalho, nosso querido Zequinha, o rei de Santa Felicidade Cuca, o próprio Lisca, Ricardo Gomes, Marcelo Cabo do CSA, o tigre da Vila Saulo de Freitas no Rio Branco, Cláudio Tencatti do Londrina. Para citar alguns. Vejam como a lista é maior do que imaginamos. Pois bem, como sabem não sou médico sequer enfermeiro, sou apenas um rapaz latino-americano, envolvido com o futebol há sete décadas. Na minha visão os problemas de saúde com nossos técnicos são de origem emocional. A carga de responsabilidade é acima do aceitável, para um ser humano. Quase sempre o melhor elenco é do time concorrente, quase sempre tem a cobrança de diretores despreparados, quase sempre a torcida cobra vitórias, independente dos problemas internos. Ainda tem a cobrança da imprensa, nem sempre com conhecimento dos problemas internos, e quase sempre com parcos conhecimentos técnicos. Em cima disso vêm os atletas, na sua maioria jovens endinheirados e com pouca instrução, o que dificulta em muito o trabalho do técnico. Pois tem que ser pai, professor, conselheiro e até vigia do seu atleta. Convenhamos, é muita responsabilidade para um homem só. Não há coração ou órgão do corpo humano que aguente. Aceito o contraditório.

 

O MAIOR ATAQUE DO FUTEBOL MUNDIAL

Muitos já ouviram falar do Santos de Dorval, Mengalvio, Coutinho, Pelé e Pepe, considerado o maior quinteto de atacantes do futebol mundial de todos os tempos. Eles iniciaram jogando juntos em abril de 1960 e foram até janeiro de 1966, no total de 99 partidas com 71 vitórias 9 empates e apenas 19 derrotas. Fizeram 295 gols, uma média de 3 gols por jogo, para terem uma ideia, sempre que atuaram juntos o Santos já saía ganhando de 3, algo fantástico. O Criador deste ataque foi Luiz Alonso Perez o técnico Lula, e como sempre quem fez maior número de gols entre todos foi o Rei Pelé. Pequena história do grande ataque do futebol mundial.

 

CAMPEONATO PARANAENSE

Faltam poucos dias para o início do campeonato Estadual, muito se fala em contratações e caras novas nos clubes em geral. Como sempre vou dar um tempo de quatro rodadas, para os clubes se firmarem na competição. Entendo que o tempo de preparação é muito curto, para exigir performance desde o primeiro jogo. Pretendo assistir ao treino do querido Rio Branco contra o Coritiba, depois conto para vocês.

 

SALA DE VISITAS UNIMED

No domingo, às 11 horas, estarei no Sala de Visitas UNIMED, da Rádio Difusora Mais FM 104.7  frente a frente com a lenda viva Amilton Aquim. Vai ser um prazer renovado, estar na querida Paranaguá sendo entrevistado pelo radialista e amigo Aquim. Até lá, minha gente! Bom domingo a todos.

 

 

 

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.