Connect with us

Semeando Esperança

Sejam santos!

Ao concluir a semana e dar início a uma nova, temos a oportunidade de recordar “Todos os fiéis Defuntos” e a grande festa de “Todos os santos”

Publicado

em

Ao concluir a semana e dar início a uma nova, temos a oportunidade de recordar “Todos os fiéis Defuntos” e a grande festa de “Todos os santos”.  Desse modo, ecoa aos ouvidos dos nossos corações o chamado à santidade, comum a toda pessoa: “Sejam santos como eu sou santo” (Lv 11,45). Jesus, retoma esse chamado universal e ensina que a santidade se manifesta na misericórdia: “Sejam misericordiosos, como também o Pai de vocês é misericordioso” (Lc 6,36).

O Papa Francisco escreveu uma carta sobre esse assunto, Gaudete et exsultate, ou seja, Alegrem-se e exultem porque Deus Pai “nos escolheu em Cristo antes de criar o mundo para que sejamos santos e irrepreensíveis na sua presença, no amor” (Ef 1,4). Ele que nos chamou à santidade “espera que não nos resignemos com uma vida medíocre, superficial e indecisa” (n. 1).

Temos uma certeza: percorremos esse caminho de santidade rodeados por uma “grande nuvem de testemunhas”, as quais nos estimulam à perseverança, deixando “de lado tudo o que nos atrapalha e pecado que se agarra em nós” e “mantendo os olhos fixos em Jesus, autor e consumador da fé” (Hb 12,1-2). Acreditamos que “entre tais testemunhas, podem estar a nossa própria mãe, uma avó ou outras pessoas próximas de nós (2Tm 1,5). A vida dessas pessoas talvez não tenha sido sempre perfeita, mas, mesmo no meio de imperfeições e quedas, continuaram a caminhar e agradaram ao Senhor”. Esses amigos de Deus nos ajudam a carregar a cruz de cada dia; eles nos protegem, amparam e guiam (Bento XVI); entregaram suas vidas, por causa de Jesus e dele deram testemunho (Ap 6,9); são uma multidão incontável, gente de todas as nações, tribos, povos e línguas, de pé diante de Deus Pai e do Cordeiro, Jesus Cristo, usando vestes brancas e trazendo nas mãos a palma do martírio (Ap 7,9). Eles são nossos amigos vitoriosos: venceram a grande tribulação; “lavaram e alvejaram suas roupas no sangue do Cordeiro” (Ap 7,14).

Pensemos nos santos canonizados e também “nos pais que criam os seus filhos com tanto amor, nos homens e mulheres que trabalham a fim de trazer o pão para casa, nos doentes, nas consagradas idosas que continuam a sorrir. Nesta constância de continuar a caminhar dia após dia (…). Esta é muitas vezes a santidade «ao pé da porta», daqueles que vivem perto de nós e são um reflexo da presença de Deus” (nn. 6-7).

Reconheçamos que “a santidade é o rosto mais belo da Igreja”, mas também que o “testemunho, dado por Cristo até ao derramamento do sangue, tornou-se patrimônio comum de católicos, ortodoxos, anglicanos e protestantes”, pois os mártires são “uma herança que fala com uma voz mais alta do que os fatores de divisão" (São João Paulo II).

Assim, ao comemorar as pessoas falecidas e todos os santos e santas de Deus, somos chamados a olhar para o céu e a não deixar nosso coração permanecer na tristeza e nem na dor da saudade, que muitas vezes experimentamos ao visitar o túmulo das pessoas que tanto amamos nesta vida.

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.