conecte-se conosco

Segurança

Litoral do Paraná ultrapassa número de homicídios de 2017

Maioria dos casos é justificada pelo envolvimento com o tráfico de drogas

Publicado

em

No ano passado, os sete municípios do litoral contabilizaram 106 homicídios e um latrocínio. Os números são oficiais da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Administração Penitenciária (Sesp), que divulga os dados do Paraná a cada trimestre. O município da região com maior número de homicídios, em 2017, foi Paranaguá.

Em 2017, Paranaguá teve 44 homicídios. Em 2018, a Folha do Litoral News tem divulgado através da editoria de Polícia os casos de homicídios e latrocínios e chegou-se ao número de 123 casos em todo o litoral. Desses, 64 ocorreram em Paranaguá.

Deste total, nos outros municípios do litoral, houve 17 casos registrados em Guaratuba, 13 em Pontal do Paraná, 22 em Matinhos, um em Guaraqueçaba, dois em Antonina e quatro em Morretes.

No mês passado, por exemplo, três homens foram executados em menos de 24 horas no litoral do Paraná. O primeiro caso ocorreu em Matinhos, por volta das 4h, do dia 18 de outubro, quando dois homens passaram com um veículo por cima da vítima, que depois foi apedrejada e faleceu no local. Ainda em Matinhos, as equipes policiais encontraram o corpo de um rapaz de 21 anos atrás de uma caixa d’ água, agredido e baleado em uma residência com indícios de crime. No final da tarde da mesma quinta-feira, policiais encontraram um corpo na região conhecida como “Estrada do Embocuí”, o qual foi executado com vários tiros na cabeça.

TRÁFICO DE DROGAS

A maioria dos casos é justificada pelas autoridades policiais pelo envolvimento com o tráfico de drogas. O aumento das ocorrências envolvendo o tráfico de drogas fica evidente quando se compara o primeiro trimestre de 2017 ao de 2018. Houve um aumento de 26% nas ocorrências dessa origem, saltando de 131 para 166, no litoral do Paraná. As ocorrências de consumo de drogas também cresceram, de 314 nos primeiros três meses de 2017 para 610 no mesmo período de 2018. 

As estatísticas de 2017 e do 1.º trimestre de 2018 estão disponíveis ao público em geral na página da Secretaria de Segurança: http://www.seguranca.pr.gov.br/. “A SESP mantém o compromisso da divulgação trimestral dos relatórios estatísticos, buscando cada vez mais aumentar a democratização da informação e a excelência do atendimento ao cidadão e ao Governo do Estado”, explicou em nota a secretaria.

ATLAS DA VIOLÊNCIA

O Atlas da Violência, produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) e divulgado neste ano com dados de 2016, mostrou que pela primeira vez na história, o número de homicídios no Brasil superou a casa dos 60 mil em um ano. O acumulado de 62.517 assassinatos cometidos no Brasil coloca o País em um patamar 30 vezes maior que o observado na Europa. Apenas na última década, 153 brasileiros ao dia perderam a vida de forma violenta.

Foto: Ilustração

Continuar lendo
Publicidade