Connect with us

Meio Ambiente

Paraná Mais Verde é lançado em Paranaguá

Colégio Morozowski sediou a ação na cidade plantando mudas ameaçadas de extinção

Publicado

em

Na tarde de segunda-feira, 23, aconteceu o lançamento do programa Paraná Mais Verde, em todo o Estado de forma simultânea. Em Paranaguá, a ação aconteceu no Colégio Estadual Maria de Lourdes Morozowski, na Vila Paranaguá. 

Na ocasião, a chefe do Núcleo Regional de Educação, Clarice Ubessi; o diretor-presidente da Administração dos Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia e o diretor do estabelecimento de ensino, Carlos Eduardo Tavares, fizeram o plantio de mudas de palmeiras juçara. Trata-se de um tipo de palmeira nativa da Mata Atlântica, que dá o palmito juçara e está ameaçada de extinção.

O programa do governo visa a plantar mais de 400 mil mudas de espécies nativas em diferentes regiões do Estado. As mudas variam de acordo com as características da região.

Segundo a Chefe do Núcleo, a ação incentiva o desenvolvimento da consciência ecológica em toda a comunidade.

“Desta forma, o governo mostra que é possível aliar desenvolvimento econômico, social e ecológico. Além das unidades escolares, são distribuídas mudas para que os alunos possam levar para casa”, destacou. 

Em Paranaguá, o padrinho escolhido para o plantio das mudas junto com os alunos do Colégio Morozowski foi o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia.

“O Porto de Paranaguá atua no desenvolvimento ambiental. Nós temos 40 programas ambientais permanentes através de uma equipe dedicada à gestão das atividades de desenvolvimento sustentável. Um desses programas envolve os manguezais, pois todos os manguezais que estão no entorno do Porto de Paranaguá e Antonina são monitorados regularmente através de um acompanhamento”, ressaltou.    

Para o diretor do Colégio, Carlos Eduardo (Caiaca), a questão ambiental é uma das prioridades no estabelecimento.

“Nós temos uma grande área verde em nosso estabelecimento e utilizamos para diversas atividades, uma delas é o plantio como todos podem ver pela arborização com destaque para as flores, as quais todos os estudantes ajudam a cuidar”, destacou. 
 

Continuar lendo