conecte-se conosco

Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá

O Rocio de Paranaguá

A festa de Nossa Senhora do Rocio, a padroeira do Estado do Paraná, é uma tradição na cidade de Paranaguá.

Publicado

em

A festa de Nossa Senhora do Rocio, a padroeira do Estado do Paraná, é uma tradição na cidade de Paranaguá. Falar em Nossa Senhora do Rocio, remete a popular história de Pai Berê, pescador que residia no Rocio Grande. Em um dia, quando lançou a sua rede no mar, Pai Berê foi surpreendido quando encontrou presa a rede, a imagem de Nossa Senhora. Ele levou a imagem para sua casa e ali instituiu em honra a santa, terços e orações.

A lenda, história e tradição que envolve a devoção a Nossa Senhora do Rocio emociona, mas também provoca no imaginário popular as distintas fases de construção da igreja e a paisagem do Rocio antigamente. Antes da construção do porto Dom Pedro II, que hoje ocupa praticamente todo o entorno do bairro Rocio, o Porto D’água e seus entornos, mormente mencionado em documentos como Rocio Grande, era um espaço com presença de chácaras e sítios. Na segunda metade do século XIX, Antônio Vieira dos Santos relata que o caminho que ia em direção às margens da baía, próximas a capela do Rocio de Paranaguá, era de terrenos barrentos, de terras negras, apropriadas para plantações de cana, milho, arroz, café e feijão. De acordo com Vieira dos Santos, “Principia a costeira chamada de Rocio, por ser do terreno propriamente dito e pertencente aos bens do Conselho, até a entrada do rio Emboguaçu; Nessa costeira coberta de mangais aparece uma nova capelinha dedicada à milagrosa imagem de Nossa Senhora do Rosário do Rocio, […] Outros anos há em que somente se fazem em sua capela os nove dias da novena e que os jovens paranagüenses muito apreciam de ir assistir às mesmas por terem a grande satisfação de irem a cavalo com suas senhoras, de passeio por esse belo caminho. De um solo areento e marginado de arvoredo, de araçaieiros, goiabeiras e outras frutas silvestres, com muitas chácaras e sítios de lavradores”. No entanto, Vieira dos Santos não foi o único a se encantar pelo Rocio. Alfredo Andersen, pintor norueguês que residiu no Porto D’Água, representou em várias de suas pinturas o Rocio. Na pintura “Rocio com canoas”, o artista representou a paisagem, com a igreja envolta por árvores e palmeiras e a sua pequena praia com canoas.  No contexto atual, pessoas que nasceram no bairro relatam o quanto a paisagem mudou. Dario Humberto de Souza relata na obra, “Caminhos do Rocio e a Caserna Vermelha”, as árvores frutíferas que compunham os caminhos do Rocio, os cantos de passarinhos, os sons dos animais que existiam nos espaços de mata fechada.

Em conclusão, se a paisagem mudou, a devoção a Nossa Senhora do Rocio atravessa os séculos, pois o Rocio é o espaço sagrado onde foi encontrada a Nossa Senhora, o Santuário, onde todos os anos peregrinos das mais distintas localidades vem para honrar e celebrar a fé. Viva Nossa Senhora do Rocio!!!!

Priscila Onório Figueira

Continuar lendo
Publicidade

Em alta

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.