Connect with us

Polícia

Duas toneladas de maconha apreendidas tinham como destino Paranaguá

A Polícia Rodoviária Federal e a Divisão Estadual de Narcóticos encontraram cerca de duas toneladas de maconha escondidas em um caminhão carregado com soja

Publicado

em

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), em conjunto com a Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), apreendeu cerca de duas toneladas de maconha no final da tarde de quinta-feira, 14, em Mandaguari, região norte do Paraná.

Por volta das 16h20, agentes da PRF realizavam operação de combate ao crime, em conjunto com a Denarc, em frente à Unidade Operacional da PRF em Mandaguari, na BR-376, quando visualizaram um caminhão se dirigindo à área de estacionamento da praça de pedágio, que fica cerca de 500 m da unidade.

Os policiais se deslocaram até o estacionamento e, em contato com o motorista, um homem de 43 anos, morador em Batayporã (MS), ele disse que havia parado para instalar um sistema de pagamento eletrônico de pedágio. Os agentes aguardaram a instalação do equipamento e levaram o caminhão para a Unidade Operacional, onde realizaram uma revista rigorosa. Com os cães farejadores da Denarc, foi indicada a presença de droga no compartimento de carga.

Na carreta, carregada com 30 toneladas de soja, estavam os sacos com a maconha.

Os grãos foram descarregados em uma cooperativa de Maringá e a droga, cerca de duas toneladas, foi apreendida.

Diante dos fatos, o motorista, o caminhão e a droga foram encaminhados para a Polícia Civil de Maringá, onde as medidas cabíveis foram adotadas.

O crime de tráfico de drogas tem uma pena máxima de 15 anos de prisão.

Paranaguá

De acordo com informações repassadas pela Polícia Rodoviária Federal e pelo DENARC, o caminhão foi carregado na cidade de Antônio João, no Matogrosso do Sul, e tinha como destino Paranaguá, no litoral paranaense.