conecte-se conosco

Meio Ambiente

Em Guaratuba, IAT entregará mudas frutíferas para quem fizer doações

Doações podem ser feitas no sábado, na Paróquia Nossa Senhora do Bom Sucesso

Publicado

em

Moradores de Guaratuba, no litoral do Paraná, poderão contribuir com a ação solidária do Instituto Água e Terra (IAT) e ajudar famílias em situação de vulnerabilidade com a doação de alimentos, peças de roupas, sapatos ou cobertores. Ao fazer uma doação, o participante leva para casa uma muda de árvore frutífera nativa.

A ação no município acontece no sábado, 17. As doações podem ser feitas das 10h às 16h, na Paróquia Nossa Senhora do Bom Sucesso, que fica na Avenida 29 de Abril, 51, no Centro do município.

O IAT é um órgão vinculado à Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, responsável pela produção de mais de 100 espécies de árvores nativas em 19 viveiros e dois laboratórios de sementes. As mudas são utilizadas com o intuito de garantir a preservação ambiental e o reflorestamento do Paraná.

Na ação solidária de Guaratuba, serão distribuídas mudas de Aroeira, Araçá, Pitanga, Cerejeira, Ipê-Amarelo, Palmito, Guanandi, Cedro Rosa e Pau-jacaré.

Segundo o diretor-presidente do IAT, Everton Souza, são ações importantes que mostram o papel social do instituto. “Ao mesmo tempo em que contribuímos para a conscientização da população sobre a importância de plantar uma árvore, ajudamos quem precisa, especialmente neste momento de pandemia”, afirmou.

De acordo com a chefe regional do IAT em Paranaguá, Rosângela Maria Costa Fraga, todas as doações serão encaminhadas para a Paróquia da Nossa Senhora do Bom Sucesso, que fará a destinação para as famílias carentes.

“A ação solidária visa principalmente atender famílias que passam necessidades devido à pandemia, mas também é uma forma de promover a educação ambiental, através do plantio de mudas nativas da região do Litoral, contribuindo para a preservação do nosso meio ambiente”, destacou.

Nos dias 21 e 27 deste mês, a mesma ação ocorreu no município de Paranaguá, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário.

Fonte: AEN

Foto: Sedest / IAT