Connect with us

Marinha do Brasil

CPPR recolhe 1,3 toneladas de lixo em Paranaguá e Antonina nas ações pelo Dia Mundial da Limpeza

A data objetiva a conscientização da sociedade

Publicado

em

A Capitania dos Portos do Paraná (CPPR), com apoio do Serviço de Sinalização Náutica do Sul-Sudeste (SSN-8), recolheu 1,3 toneladas de lixo nos municípios de Paranaguá e Antonina nos dias 18 e 19 de setembro durante as ações do World Cleanup Day 2020 (Dia Mundial da Limpeza).

Em todo o País, a Marinha do Brasil uniu-se a milhares de voluntários para uma maratona de limpeza para simbolizar a necessidade de conscientização da sociedade para o problema do descarte irregular de resíduos sólidos urbanos, incluindo detritos marinhos.

Cerca de 60 voluntários do Grupo Escoteiros do Mar de Antonina e da Associação de Defesa do Meio Ambiente e Desenvolvimento de Antonina (Ademadan) contribuíram com a ação da Marinha do Brasil no município, onde foi realizada a limpeza nas proximidades do Trapiche Municipal, área turística da cidade, e na praia da Ponta da Pita. A Prefeitura Municipal de Antonina colaborou com as ações e deu destinação ao material recolhido.

Em Paranaguá, a limpeza aconteceu na faixa de areia da Ilha dos Valadares e na Rua da Praia, ponto turístico da cidade (Foto: Capitania dos Portos do Paraná)

Em Paranaguá, a limpeza de praia aconteceu na faixa de areia da Ilha dos Valadares, área urbana em que moram cerca de 30 mil pessoas, e na Rua da Praia, ponto turístico da cidade. A atividade teve apoio da Prefeitura Municipal e do Grupo de Escoteiro do Mar Ilha do Mel (GEMIM).

Em ambos os lugares, além de realizar a coleta de material descartado de forma irregular no meio ambiente, foram distribuídos folders de orientação à população com relação a conscientização de preservação da Amazônia Azul, patrimônio ecológico e econômico do País.

Os militares entregaram ainda à população folders com informações práticas de como prevenir-se da transmissão da Covid-19 como forma de contribuir para o combate à pandemia. Entre as orientações estão o uso de máscaras, a limpeza de embalagens e os cuidados sanitários com alimentos.

Em Antonina, a limpeza foi realizada nas proximidades do Trapiche Municipal e na praia da Ponta da Pita, próximo ao porto da cidade (Foto: Capitania dos Portos do Paraná)

Combate ao Lixo no Mar

Visando contribuir para as ações de conscientização ambiental previstas no Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar, a Marinha do Brasil incentiva a população a participar, junto dos seus militares, dos eventos promovidos pela Força nas praias, rios, lagos e ambientes costeiros do país.

Esta é a terceira edição do “World Cleanup Day”, que foi realizado pela primeira vez em 15 de setembro de 2018 e reuniu 18 milhões de pessoas em 157 países. No ano passado, o dia de maior coleta de lixo da história da humanidade foi desenvolvido em 21 de setembro e envolveu 180 países e 21 milhões de voluntários. Cada país aborda as questões relacionadas ao lixo que são mais urgentes para a sua realidade.

Em todo o País, a Marinha uniu-se a milhares de voluntários para uma maratona de limpeza (Foto: Capitania dos Portos do Paraná)

As Capitanias e Delegacias subordinadas ao Comando do 8.º Distrito Naval realizaram diversas atividades em suas respectivas áreas de jurisdição, a fim de promover a conscientização da comunidade náutica e da sociedade em geral para a preservação e limpeza dos rios, lagos e represas, bem como contribuir para a segurança da navegação, a salvaguarda da vida humana no mar e a prevenção da poluição hídrica por embarcações, além da conscientização de que as medidas adotadas concorrerão para o fomento sustentável da economia do mar e preservação da Amazônia Azul.

Fonte: Capitania dos Portos do Paraná