conecte-se conosco

Litoral

Saiba como ficará a revitalização do entorno da Igreja Bicentenária de Guaratuba

Audiência pública apresentou projeto de restauração

Publicado

em

Foto: Divulgação Iphan - ArquiBrasil

A Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) – Paraná e a Prefeitura de Guaratuba realizaram uma audiência pública na Câmara Municipal apresentando à população o Projeto de Restauração e Agenciamento do Espaço Externo da Igreja Bicentenária de Nossa Senhora do Bom Sucesso. No evento, moradores puderam opinar nas obras de entorno que deverão ocorrer no local, abordando, com foco na validação pela sociedade da proposta de requalificação do espaço público, com fechamento do trecho da Rua Monsenhor Lamartine. “A audiência foi aberta com falas das autoridades presentes e, em seguida, a superintendente do Iphan no Paraná, Fabiana Moro Martins, contextualizou o projeto, apresentou o histórico da criação e atuação do Comitê de Acompanhamento, instância de participação social formada por representantes da igreja e paróquia local, do poder público municipal, de organizações da sociedade civil e da comunidade em geral, que desde março desse ano se reúne para validação dos vários produtos do projeto de restauração da igreja. A proposta de agenciamento do espaço externo apresentada para a população na audiência já havia sido previamente discutida e aprovada pelo comitê”, informa o município.

Jussara Valentini e Augusto Motta, representantes da empresa ArquiBrasil, responsável pela obra apresentaram a proposta, frisando a atenção especial ao fechamento do trecho da Rua Monsenhor Lamartine em frente à Igreja Bicentenária, com foco na integração à Praça Alexandre Mafra a partir do nivelamento de ambos os espaços públicos, bem como redução dos impactos do tráfego de veículos sobre a Igreja. “Também se destacou a recriação do adro da igreja por meio da realocação de seu cruzeiro para um local próximo ao original, defronte à edificação, a criação de uma praça junto à igreja, equipada para ocupação durante a Festa do Divino. A acessibilidade também foi apresentada com um piso em baixo grau de elevação a partir da calçada até a entrada lateral esquerda da Igreja Bicentenária”, detalha. 

Participação dos cidadãos e validação da proposta

“Após a apresentação, abriu-se inscrições para fala dos cidadãos presentes, para esclarecimentos de dúvidas, comentários e opiniões sobre o projeto. Entre as questões levantadas, foi pautada a retirada da rampa da igreja nova, sendo alegado por um dos participantes que o elevador proposto não comportará a entrada e saída de idosos e pessoas com deficiência física em dias de missa. Os representantes do IPHAN e Arquibrasil responderam que esse ponto da proposta será reavaliado para que se encontre uma solução adequada às necessidades da comunidade”, informa a Prefeitura.

Segundo o município, não havendo mais discordâncias, “a audiência validou a proposta de requalificação do espaço público por consenso, especialmente o fechamento do trecho da Rua Monsenhor Lamartine”, informa.

Entre as autoridades presentes na audiência pública estiveram o prefeito de Guaratuba, Roberto Justus, o vice-prefeito, Edson Camargo, a presidente da Câmara, Cátia Regina Silvano, junto a vereadores, o bispo da Diocese de Paranaguá, Dom Edmar Peron, o vigário da Paróquia de N. S. Bom Sucesso de Guaratuba, Padre Oliton Gomes, secretários municipais e funcionários da Prefeitura, Iphan e empresa responsável pela obra.

Cidadãos puderam opinar e levar sugestões ao Iphan e empresa responsável pela obra (Foto: Prefeitura de Guaratuba)

Com informações da Prefeitura de Guaratuba

plugins premium WordPress