conecte-se conosco

Editorial

Dezembro é o mês de conscientização sobre a Aids

Pastoral da Aids, da Diocese de Paranaguá, realiza um trabalho importante de conscientização há 18 anos no município

Publicado

em

O Dia Mundial de Luta contra a Aids é comemorado no dia 1.º de dezembro e é uma oportunidade para que a população conheça mais sobre a doença, apoie a causa e saiba como detectar o HIV precocemente. Há muitas pessoas que lutam para melhorar a compreensão do vírus como um problema se saúde pública. Como a Pastoral da Aids, da Diocese de Paranaguá, que realiza um trabalho importante de conscientização há 18 anos no município, reforçando essa luta pela queda no número de infectados.

Neste mês, todas as unidades básicas de saúde em Paranaguá contarão com testes rápidos para a detecção do HIV, além de testes para detecção de sífilis e hepatite. Um motivador para os moradores cuidarem da saúde. A detecção precoce da infecção possibilita que o paciente utilize as medicações adequadamente e tenha grande chance de sobrevida, semelhante à das pessoas não infectadas.

Hoje, o cenário é bem mais favorável do que na década de 1980, quando a doença surgiu. Na época, vários casos de pessoas públicas foram noticiados e essa se tornou uma das doenças mais temidas pela população, já que o vírus significava uma sentença de morte. E apesar de anos de esforços, ainda não foi encontrada uma vacina que possa imunizar da doença.

Por isso, o dia 1.º de dezembro torna-se tão relevante para tornar a luta contra a Aids uma batalha de toda a sociedade para ampliar o conhecimento sobre a infecção e suas formas de tratamento. A principal ferramenta para isso é a informação. Não há mais espaço para preconceitos e tabus relacionados ao tema. Falar sobre a doença e as formas de prevenção e, mais do que isso, fazer com que a informação chegue ao público alvo, é a única forma de promover a mudança.

Em alta