conecte-se conosco

Ciência e Saúde

Revitalização e construção de novas unidades reforçam descentralização da saúde, afirma o prefeito

UBS de Alexandra foi entregue reformada no último dia 8

Publicado

em

Em entrevista concedida à Folha do Litoral News, o prefeito Marcelo Roque, entre diversas áreas, abordou uma das mais importantes para a população: a saúde pública. O gestor ressaltou investimentos recentes na reforma e ampliação da unidade básica de saúde Dr. Elias Borges Neto, em Alexandra, com investimento de mais de R$ 681 mil feitos por meio de recursos do município (R$ 340,5 mil) e por Emenda Parlamentar do deputado federal Gustavo Fruet (R$ 341,4 mil), assim como assinatura de ordens de serviço para nova UBS no Santos Dumont e na Vila Guarani. Além disso, Roque ressaltou a conclusão de 80% das obras da nova Unidade de Pronto Atendimento (UPA) que está sendo construída pela Prefeitura.

Sobre a UBS de Alexandra, a reforma fez com que o espaço fosse ampliado de 261,87 metros quadrados para 437,07 metros quadrados de área total. As ordens de serviço para construção das novas unidades do Santos Dumont e Vila Guarani criarão dois locais de forma descentralizada em Paranaguá com mais de 423 metros quadrados contando com consultórios, odontologia, recepção, sala de vacinação, salas para agentes comunitários, entre outras dependências. 

“A pasta mais importante do município é a saúde pública onde tem que se investir todos os dias. Nós temos feito isso desde 2017 seja em equipamentos, profissionais e mais construções. Dificilmente você vê um município nessa época de dificuldade que vivemos no País construindo quatro, cinco novos postos de saúde como nós fizemos no Leblon, Porto Seguro, Emir Roth na Ilha dos Valadares, em Encantadas na Ilha do Mel, e agora nós entregamos a ordem de serviço para a construção, não é nem ampliação e reforma, é construção de um novo posto de saúde na Vila Guarani, com mais de 400 metros quadrados, e um novo posto também no Santos Dumont”, afirma o prefeito Marcelo Roque.

Prefeito Marcelo Roque assinou ordem de serviço para construção de duas novas UBS no Santos Dumont e Vila Guarani

Outro ponto destacado por Roque foi a entrega da revitalização da unidade de saúde de Alexandra. “Entregamos a UBS ampliada e reformada com sala de fisioterapia, farmácia”, detalha. “Somente nesses dois novos postos de saúde são mais de R$ 3 milhões em investimento em espaço físico, mas não adianta nada ter espaço físico e não ter a equipe para trabalhar. Automaticamente aumentando o espaço teremos mais médicos, mais equipes da Saúde da Família, então é importantíssimo”, detalha.

UPA

“Nós temos a Fundação de Assistência à Saúde de Paranaguá (FASP) que também está contratando os profissionais. Hoje a UPA, que passava por uma grande dificuldade, está com uma remodelação. Ela está praticamente todos os dias com de seis a oito médicos. Nós temos as escalas, o sistema que comprova isso. Temos uma mudança muito grande lá na UPA. O único problema é o espaço físico que está bem apertado lá, onde nós estamos construindo uma nova UPA ao lado que já está 80% concluída, uma UPA com mais de dois mil metros quadrados, com todas as salas de raio-x, equipamentos, tudo aquilo que o município precisa”, ressalta Marcelo Roque. 

Segundo o prefeito, foi entregue à sua gestão em 2016 uma UPA “que na verdade nunca foi uma UPA”, explica. “Além disso, de não ser uma UPA, como nós estamos fazendo agora, perde dinheiro do Governo Federal. Todo o dinheiro que estamos investindo na UPA é do município e podia ser do Governo Federal. Agora com a construção vai ter a verba do Governo Federal e poderemos contratar mais profissionais. Isso nós estamos fazendo”, ressalta Roque.

Nova UPA contará com mais de dois mil metros quadrados e está 80% concluída (Foto: Facebook/Marcelo Roque)

Maternidade e AME

“O governador Ratinho Júnior junto ao ex-secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, anunciou R$ 6 milhões para a Maternidade que está parada há mais de 15 anos e que vai voltar agora a ser uma maternidade do litoral. Então ficamos nessa expectativa. Também foi anunciado pelo Estado mais cerca de R$ 6 milhões para o Ambulatório Médico de Especialidades (AME) em Paranaguá, onde tudo que você faz hoje fora de Paranaguá, como tomografia, ressonância magnética, check up do coração, que muitas vezes precisam ser feitos em Curitiba, poderá ter a oportunidade de se fazer em Paranaguá”, acrescenta o gestor municipal, ressaltando que o AME funcionará na antiga Santa Casa, que posteriormente se tornou a Biblioteca Mário Lobo. “A biblioteca hoje funciona na Casa Monsenhor Celso, em frente à Igreja Matriz”, salienta Roque, explicando que a antiga Santa Casa é um espaço do Estado.

De acordo com Roque, estão presentes vários investimentos na área de saúde pública de Paranaguá, fazendo com que obras importantes saiam do papel. “A gente fica muito feliz de poder dar uma saúde de qualidade para a nossa população”, finaliza o prefeito.