Connect with us

Paraná Empreendedor

Turismo – Mais emprego e renda

A Organização Mundial do Turismo estima que o turismo movimentou 1,7 trilhão de dólares no mundo em 2017

Publicado

em

A Organização Mundial do Turismo estima que o turismo movimentou 1,7 trilhão de dólares no mundo em 2017. A fatia brasileira no bolo é pequena, cerca de 35 bilhões de dólares, (CNC).

É urgente fazer essa fatia crescer, pois na economia de serviços cada emprego

direto corresponde a outros 5 indiretos. Compare-se um investimento de 1 bilhão de dólares na indústria do petróleo, que abre 380 postos de trabalho. O mesmo valor pode gerar 12.650 empregos diretos no turismo.

Os setores que mais se desenvolveram no turismo são os de eventos, negócios e cruzeiros marítimos. Eventos e negócios são filões nos quais o Paraná está bem vocacionado. É importante observar algumas regras básicas. Turismo é em essência qualidade.

Nada funciona sem uma ótima rede hoteleira, gastronômica, infraestrutura básica de logística e serviços de transporte, telecomunicações, saúde, segurança e equipamentos de lazer, inclusos centros de convenções, pavilhões de exposições e, principalmente, uma cultura de ambiente de recepção ao turista.

Há anos o Paraná vem investindo em estradas mais seguras, telefonia, comunicação e tecnologia de informação em todo o seu território, ocupando posição bastante diferenciada.

Um adequado plano de marketing é indispensável. Não há como atrair turistas, se não houver investimentos em promoção. Como exemplo, somente em mídias sociais para retomada pós Pandemia, Portugal investirá 20 milhões de euros. A melhor receita para o sucesso é investir em parcerias dos setores público e privado, cada um procurando identificar sua real vocação.

O segmento de eventos e feiras é uma boa aposta.

Estamos longe de dominar a cultura turística, como indústria que é.

O desenvolvimento dessa consciência se faz paulatinamente e exige o envolvimento de todos os setores da sociedade. Escolas, universidades, clubes de serviços, entidades de classe, federações, veículos de comunicação e as esferas de governo.

Turismo é coisa séria e deve ser tratado de forma profissional, sem lugar para

improvisação. Turismo traz receitas, divisas, oportunidades e emprego e renda.

Juracir Barbosa Sobrinho