Connect with us

Maçonaria

Mistérios da Origem da Maçonaria

Questiona-se sempre sobre o início da Maçonaria, onde iniciou? Onde começaram a trabalhar como Maçons?

Publicado

em

A manifestação deve ter três planos ou três vias por onde o homem pode perceber e expressar a vida: Plano espiritual, relacionado ao pensamento; Plano mental, relacionado com o pensador e Plano físico, relacionado com a imagem do pensador.

Questiona-se sempre sobre o início da Maçonaria, onde iniciou? Onde começaram a trabalhar como Maçons? Muitas vezes nós lemos ou ouvimos afirmativas que a Maçonaria atual teve origem nos antigos Mistérios Egípcios. A Maçonaria Especulativa derivou das Lojas dos Maçons Operativos da Idade Média. Não será́ possível aqui rever toda a história, mas a opinião Maçônica refutável é que não há fundamento para a alegação que nós tivemos nossa origem nos antigos Mistérios Egípcios. 

É sabido que não muitos anos atrás esta versão de nossa origem era largamente mantida entre experimentados e zelosos Maçons. Entretanto, com certeza, pode ser declarado que, para autênticos historiadores, não há nenhuma evidencia direta conhecida, que possa ser aceita, fazendo a conexão.

No Egito o mito de Ísis e Osíris é um dos arquétipos fundamentais da prática maçônica, em sua visão espiritualista. Ísis é a deusa que regenera o morto e o conduz à região onde brilha a luz. Osíris é o próprio morto que é regenerado por esse poder, e ao alcançar essa graça adquire também o poder de guiar outros espíritos pela escuridão e levá-los à zona de luz. A partir dessa alegoria se constrói a metáfora: Isis é a própria Maçonaria, que regenera o psiquismo dilacerado do profano que recebe a sua Luz; e a partir da iniciação nos seus Mistérios ele torna-se também capaz de conduzir outros pelos mesmos caminhos, em busca da Luz. Esse é o sentido simbólico de toda iniciação e a Maçonaria não foge a esse conteúdo. Todos os elementos rituais da iniciação maçônica evocam a magia dos influxos que vêm desses antigos arquétipos e dessas arcanas sabedorias praticadas pelos antigos povos.
Por isso, conhecer e sentir de fato a Arte Real é penetrar na alma desses ritos e extrair-lhes os verdadeiros significados. É só a partir daí que começamos a trilhar, com segurança os caminhos que nos levam ao Reino de Enteléquia, onde nos tornamos verdadeiros Obreiros da Arte Real.  

Continuará sempre um mistério onde começou a Maçonaria, os maçons estruturam-se e reúnem-se em células autónomas, designadas por oficinasateliers ou (como são mais conhecidas e corretamente designadas) lojas, “todas iguais em direitos e honras, e independentes entre si.”

A origem se perde na Idade Média, se considerarmos as suas origens Operativas, ou seja associação de cortadores de pedras verdadeiros, que tinha como ofício a arte de construção de castelos, muralhas, catedrais etc etc etc, a estatística mostra que existem, no mundo, aproximadamente 6 milhões de integrantes espalhados pelos 5 continentes. Destes, 3,2 milhões (58%) nos Estados Unidos, 1,2 milhão (22%) no Reino Unido e 1,1 milhão (20%) no resto do mundo.

 No Brasil são aproximadamente 211 mil maçons regulares (2,7%) e 4.700 Lojas, sendo que a Instituição primaz é o GRANDE ORIENTE DO BRASIL-GOB.

Yassin Taha

Dep. Federal GOB