Connect with us

Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá

PARABÉNS GUARAQUEÇABA!

Publicado

em

PARABÉNS GUARAQUEÇABA!

É março e cantamos: “Guaraqueçaba gentil engraçada […]”. Alunos pesquisam a “Terra dos Guarás” e insistem aos familiares para contar alguma história da “Terra do Bom Jesus”; era assim em meu tempo, hoje a internet dá todas as respostas. 

Mesmo os que não precisam das notas escolares se encontram em bares, praças e pelas redes sociais, compartilham histórias e fotos de Guaraqueçaba, orgulhosos da “cidade mais antiga”, desencadeiam acaloradas discussões presenciais ou virtuais em torno do “fato ou boato”?

Com o slogan “Cidade Berço do Paraná” Guaraqueçaba parece referendar; Paranaguá também enfatiza o seu título: “Cidade Mãe do Paraná”.

O Pai da História do Paraná Antônio Vieira dos Santos (1784-1854) nos anais afirma que no século XVI os degredados portugueses em Cananéia “se animaram e embarcaram em canoas, entraram barra adentro, nas formozas baías de Paranaguá”, não sem antes passar por Ararapira e Superagui.

Em 1549 (e não 1545), o alemão Hans Staden (1525-1576) fundeando em Superagui, encontra portugueses habitando-a, certamente descendentes daqueles “Povos de Cananéia”. É o PRIMEIRO REGISTRO do Paraná português. A região pertence hoje a Guaraqueçaba, mas na época à Capitania de Paranaguá. 

Mais tarde os portugueses ocupam a Ilha da Cotinga e em 29 de julho de 1648 fundam no continente a Vila de Nossa Senhora do Rosário de Paranaguá, que se torna cidade em 1842, antes mesmo da criação da Província do Paraná (1853).

Com povoações às margens dos seus rios e a igreja do Bom Jesus construída (1838), Guaraqueçaba é elevada à Freguesia (1854) e à categoria de Cidade apenas em 11 de março de 1880. Anos depois perde essa autonomia, recuperando-a definitivamente em 1947.

Neste 2021 celebramos 141º anos da criação do Município e pode-se dizer, 472º (não 476) do primeiro registro, em Superagui.

“Cidade Mãe do Paraná”? “Cidade Berço do Paraná”? 1545? 1549? Fato é que nesse 11 DE MARÇO comemoramos a “Terra Querida Que Nos Viu Nascer”. Parabéns à “Vovozinha do Paraná” e Viva Guaraqueçaba.


     Profº. José Muniz.
Historiador – Sócio do IHGP

Leia também: Dia 8 de março

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.