conecte-se conosco

Ciência e Saúde

Entrega de reforma do prédio do antigo CME deve acontecer ainda neste mês

Local será unidade descentralizada do Hospital Erasto Gaertner para facilitar tratamento de pacientes com câncer no litoral

Publicado

em

O Centro Municipal de Especialidades (CME) em Paranaguá já atendeu muitos pacientes no passado e, após passar por total abandono e depredação do prédio por vândalos, agora o espaço passa por reforma total. A prefeitura espera entregar o local à população neste mês em função do aniversário da cidade, comemorado em 29 de julho.

O prédio deve abrigar uma unidade descentralizada do Hospital Erasto Gaertner e ajudar a população de todo o litoral a tratar o câncer mais próximo de casa. Estima-se que hoje, em média, são transportadas 100 pessoas por dia para tratamento em Curitiba.

Com o abandono, o local sofreu com infiltrações que comprometeram a estrutura e causavam alagamentos, não havia segurança e era frequentemente invadido por vândalos que deterioraram o pouco que ainda restava do CME. A ordem de serviço para a reforma foi assinada pelo prefeito Marcelo Roque em novembro de 2017. O investimento total foi de R$ 758.815,14, que está sendo utilizado para recuperação do telhado, das esquadrias, dos revestimentos, além de investimento em equipamentos de segurança e pintura.

No mês passado, a governadora Cida Borghetti anunciou que a tratativa com o Hospital Erasto Gaertner está adiantada e considerou o avanço importante para a saúde oncológica da população do litoral. O CME foi definido pela própria direção do Hospital Erasto para receber a unidade em Paranaguá após inspeção técnica em alguns prédios da Secretaria Municipal de Saúde e Prevenção.

O investimento total foi de R$ 758.815,14 para recuperação do local

O antigo CME conseguirá oferecer consultas e aplicação de quimioterapia. Se, posteriormente, as autoridades conseguirem recursos para ampliar o prédio, ainda poderá ser possível realizar cirurgias de baixa e média complexidade. Já cirurgias mais complexas continuarão sendo realizadas em Curitiba, bem como as sessões de radioterapia.

Algumas adequações precisaram ser realizadas depois de uma reunião entre a equipe da Secretaria Municipal de Saúde e engenheiros e arquitetos responsáveis pelo projeto de reforma do CME para que o atendimento em oncologia possa ser oferecido. De acordo com a Prefeitura de Paranaguá, o espaço terá três consultórios médicos, sala de emergência, para estabilização de pacientes, e local para aplicação de quimioterapia.

PRAZOS

O secretário municipal de Saúde, Paulo Henrique de Oliveira, afirmou que as obras estão adiantadas e a cerimônia de inauguração deve ocorrer ainda neste mês. “Depois precisaremos fazer algumas adequações para entregar a unidade avançada até o final deste ano. Esta é uma determinação do prefeito Marcelo Roque, que quer colocar em prática esse projeto o quanto antes, por ser um sonho da população”, informou o secretário.
 

Continuar lendo
Publicidade

Em alta