Connect with us

Valmir Gomes

NOVOS TEMPOS, VELHOS CAMPEÕES

Se aproxima o final do Campeonato Brasileiro. Na série A, o Palmeiras está com a mão na taça, só depende dele e de mais ninguém.

Publicado

em

Se aproxima o final do Campeonato Brasileiro. Na série A, o Palmeiras está com a mão na taça, só depende dele e de mais ninguém. O experiente Felipão deve colocar faixa no peito mais uma vez, contrariando os modernos de plantão. Na série B, outro velho conhecido de todos nós, o campeoníssimo atleta Rogério Ceni, passou por cima da turma no comando técnico, dando ao Fortaleza o primeiro título nacional, justamente no ano do centenário do clube. Como notaram nestes novos tempos do modernismo no futebol, os campeões são os experientes do futebol raiz. Motivos para reflexão não faltam, muita gente que prega dia e noite o noviciado, em detrimento dos mais experientes, acabou caindo do cavalo. Pobre do povo que esquece do passado.

 

A ESCOLA NEYMAR CONTINUA

Outro dia falei sobre a primeira partida da final da Libertadores, Boca 2 X 2 River jogo duro pegado e jogado sem firulas ou cai-cai. Neste fim de semana, por dever de ofício, assisti a muitos jogos do futebol brasileiro na TV. Uma vergonha o que os nossos jogadores simulam de faltas e contusões. Pelo espalhafato deles, se imagina uma grave contusão, daí eles levantam e com a maior cara de pau vão para o jogo como se nada tivesse acontecido. Neymar foi um grande professor, sua escola de simular contusões continua mais atual do que nunca. Precisamos mudar este quadro, sob pena de crítica mundial, desvalorizando o atleta e o futebol brasileiro.

 

DILEMA COXA BRANCA

A vida não está fácil para o Coritiba, além da irregular campanha no Campeonato Brasileiro da série B, seu presidente Samir Namur está acuado pelo seu próprio Conselho Deliberativo. Falam até no impedimento de continuar no cargo. O futebol tem peculiaridades, cito uma delas. A vitória tem muitos pais, a derrota é órfã. Como sabem o Coritiba foi um desastre futebolisticamente falando neste ano. Daí a grita com razão dos conselheiros. Cobrar o presidente e sugerir novos caminhos me parecem atitudes dentro da responsabilidade do seu Conselho Deliberativo. Querer afastar o presidente do clube na marra, é golpe. Tudo deve ser feito dentro da legalidade que rege o estatuto do clube, o DNA do Coritiba é democrático, e assim deve continuar. Sugiro legalidade e união dentro do clube, só assim o Coritiba pode recuperar o tempo e o dinheiro perdidos.

 

LUÍS GAMA UM ADVOGADO ABOLICIONISTA

Em época de Proclamação da República, lembro do Luís Gama, um crioulo abolicionista, colunista de jornal, ligado à Maçonaria e preocupado com a nossa liberdade e a liberdade dos escravos. O jovem Luís Gama um menino da periferia, nos anos 1800, conseguiu com esforço próprio se formar advogado. Melhor que isto ter destaque na profissão. Foi o responsável direto pela liberdade de centenas de pessoas, do jugo português, bem como libertou juridicamente mais de 500 escravos. Morreu com 52 anos de diabetes, dizem causada por sua determinação como advogado das causas impossíveis. Mais um herói da nossa liberdade.

 

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.