Connect with us

Segurança

Operação Triple Fuerza atua em presídios do Paraná e de países vizinhos

ABIN coordenou atuação conjunta de instituições brasileiras, paraguaias e argentinas

Publicado

em

A primeira edição da “Operação Triple Fuerza” foi desencadeada na região da Tríplice Fronteira, no Paraná, com a atuação conjunta de instituições brasileiras, paraguaias e argentinas na segurança penitenciária. A ação fez parte do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF).

A Operação foi coordenada pela Superintendência Estadual Paraná (SEPR), da ABIN, e pelo Batalhão de Polícia de Fronteira da Polícia Militar do Paraná (BPFron/PMPR).

Os esforços de segurança concentraram-se em penitenciárias das cidades paranaenses de Foz do Iguaçu, Cascavel, Francisco Beltrão, Catanduvas, Toledo, Assis Chateaubriand e São Miguel do Iguaçu.

Abordagens, bloqueios nas proximidades das unidades prisionais, fiscalizações, revistas veiculares e individuais com emprego de cães, planos de defesa dos estabelecimentos e emprego de helicópteros e tropas especiais fizeram parte do plano de ação.

 

Argentina e Paraguai

Além disso, forças da Argentina e do Paraguai participaram da Triple Fuerza. A Gendarmeria Nacional Argentina (GNA) atuou em abordagens na fronteira dos países em conjunto com a Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) e a Polícia Federal (PF) brasileiras.

Já Policía Nacional e a Dirección General de Establecimientos Penitenciários de Paraguay foram empregadas em intervenções nas Penitenciárias de Tacumbu, Ciudad del Este, San Pedro, Pedro Juan Caballero, Coronel Oviedo e Encarnación.

 

Resultados

Pelo Depen federal, o chefe de inteligência da unidade Catanduvas, Luís Henrique Santos, afirma que “a Operação foi um marco na região, pois contou com a presença ostensiva de diversas forças de segurança atuando em conjunto. Essa ação histórica de enfrentamento ao crime organizado recebeu apoio incondicional da ABIN em toda sua fase de planejamento e execução”.

“A Triple Fuerza foi exitosa. A operação reforçou o papel constitucional e legal de cada instituição de segurança e resultou em fortalecimento do SISBIN no oeste do Paraná, gerando, portanto, reflexos positivos à atuação da ABIN no contexto do PPIF e em seu papel de órgão central do SISBIN”, avalia a SEPR.

ÓRGÃOS PARTICIPANTES

Departamento Penitenciário Estadual
Departamento Penitenciário Federal
Força Nacional de Segurança Pública
Guarda Municipal de Foz do Iguaçu
Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade
Marinha do Brasil
Polícia Civil do Paraná
Polícia Federal
Polícia Militar do Paraná
Polícia Rodoviária Federal

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.