Logotipo

Devoção e superação com Nossa Senhora do Rocio

15 de novembro de 2019

Diversos milagres e superações são atribuídos a Nossa Senhora do Rocio por milhares de fiéis que participam das novenas e procissões (Foto: Divulgação/ Santuário de Nossa Senhora do Rocio)

Compartilhe

Fiéis relatam milagres e apoio da Mãe do Rocio para superar doenças e momentos difíceis da vida

Nas novenas ou nas procissões, é comum perceber na Festa Estadual de Nossa Senhora do Rocio momentos únicos de devoção, pagamento de promessas e emoção contínua por parte de fiéis de Paranaguá, do Paraná e do Brasil. Durante esta semana, a Folha do Litoral News foi até o Santuário do Rocio conversar durante as novenas com os devotos para que eles dessem testemunhos de fé com a Padroeira do Paraná. Entre lágrimas e sorrisos, muitas pessoas destacaram superação de doenças, depressão e de momentos difíceis, sempre com profunda gratidão à Mãe do Rocio.

Carlos Félix, funcionário público que reside em Paranaguá, foi curado de um câncer e falou sobre a graça recebida. "Tive um diagnóstico de câncer no testículo e vim ao Santuário pedir a Nossa Senhora do Rocio, da qual eu sou devoto, e, graças à intercessão dela e do seu filho, Jesus, recebi o milagre da cura. Hoje faço todas as novenas, vou e volto na procissão, em agradecimento a esta graça alcançada. Toda minha família se envolve, quando eles podem vêm comigo às procissões e novenas, mas eu estou sempre aqui fazendo por eles e por mim mesmo em agradecimento a Nossa Senhora", afirma.

 Carlos Félix foi curado de um câncer pela intercessão de Nossa Senhora do Rocio

Alguns fiéis mostram uma fé tão inabalável, que para eles o milagre de Nossa Senhora do Rocio é algo constante em suas vidas. "Faz 50 anos que eu tenho fé em Nossa Senhora do Rocio. Isso é uma bênção em minha vida. Eu nunca peço, eu venho agradecer o que ela propicia para mim, minha família, meus amigos, meus afilhados, meus compadres e comadres e até mesmo meus vizinhos. Venho aqui rezar e agradecer a ela tudo de bom que ela já me fez", relata Dulcineia de Oliveira, dona de casa, moradora no Jardim Samambaia.

"Eu nunca peço, eu venho agradecer o que ela propicia para mim, minha família, meus amigos, meus afilhados, meus compadres e comadres e até mesmo meus vizinhos", ressalta Dulcinéia de Oliveira, devota da santa há 50 anos

"A minha fé é muito grande. Ela realizou muitas coisas para a gente, principalmente para mim. A minha filha sofreu um acidente em 2008 e sobreviveu a isso graças a Nossa Senhora do Rocio", ressalta Valdenice da Silva Matozo, agente de apoio, que reside no Bairro Industrial, em Paranaguá. "A gente já vinha antes ao Santuário, agora estamos vindo ainda mais. Sempre participo das procissões e novenas", explica, ressaltando que o Santuário do Rocio é um importante caminho para o resgate da espiritualidade em Paranaguá.

"Minha filha sofreu um acidente em 2008 e sobreviveu a isso graças a Nossa Senhora do Rocio", ressalta Valdenice da Silva Matozo

Walter Guimarães, servidor público estadual, morador na Ilha dos Valadares, ressalta que a Padroeira do Estado salvou a sua vida. "Há 25 anos passei por um período muito difícil em se tratando de minha saúde, quando tive uma depressão muito forte e cheguei a ficar de cama, afastado do serviço por 90 dias, quase sem me alimentar. Parece que eu estava indo para o outro lado espiritual, quando conversei com Deus e pedi a Nossa Senhora do Rocio a oportunidade de viver novamente, que eu tinha muita coisa para fazer. Neste dia comecei a retornar para a vida e hoje estou aqui", destaca, ressaltando que participa das procissões e das novenas.

Com orações a Nossa Senhora do Rocio, Walter Guimarães superou depressão que quase o levou ao fim da vida há 25 anos


Colunistas