Logotipo

Capitania dos Portos fiscaliza a navegação nos Campos Gerais, Norte Pioneiro e Região de Curitiba

07 de fevereiro de 2020

Em Ponta Grossa, foi realizada entrega de carteiras de habilitação para militares do Corpo de Bombeiros que realizaram o curso ETSP.

Compartilhe

A Capitania dos Portos do Paraná (CPPR) atuou no mês de janeiro na fiscalização da navegação nos Campos Gerais, na Região de Curitiba e no Norte Pioneiro do Estado do Paraná no contexto da "Operação Verão 2019/2020 – Mares Seguros e Limpos”, uma intensificação das Ações de Fiscalização do Tráfego Aquaviário no período de 20 de dezembro de 2019 até o dia 18 de março de 2020.

A missão principal é minimizar a possibilidade de acidentes de navegação com o esclarecimento das normas de segurança da navegação para garantir salvaguarda da vida humana, sem deixar de aplicar medidas rígidas contra as irregularidades constatadas.

Entre os dias 23 e 25 de janeiro, a equipe de Inspeção Naval da CPPR realizou ações de fiscalização na Represa de Chavantes, na divisa do Paraná com o Estado de São Paulo. Além disso, duas marinas e uma colônia de pescadores na cidade de Carlópolis foram vistoriadas. Já no dia 26, foi realizada ação na Represa do Passaúna, entre os municípios de Araucária e Curitiba. O local é utilizado para atividades náuticas no lago formado pela represa construída para fornecer o abastecimento de água para a população da capital e região metropolitana.

No período de 17 a 20 de janeiro, foram fiscalizadas balsas de travessia no Rio Iguaçu nos municípios de São Mateus do Sul e Porto Amazonas. Comunidades agrícolas destes locais dependem de embarcações para transpor o rio para o transporte de mercadorias e a locomoção de pessoas. Já na cidade de Ponta Grossa, foram realizadas ações nos Alagados, barragem no Rio Pitangui utilizada para atividades náuticas, e realizada entrega de carteiras de habilitação para militares do Corpo de Bombeiros que realizaram o Curso Especial para Tripulação de Embarcações de Estado no Serviço Público (ETSP).

Foto: Capitania dos Portos do Paraná


Colunistas