Connect with us

Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá

RIO ITIBERÊ I

Seu nome já aparece na própria localização do município de Paranaguá na citação de vários autores.

Publicado

em

Nos últimos finais de semana os artigos da Coluna do Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá – IHGP foram voltados ao seu prédio, acervo e pátio, contando com detalhes sua composição e, inclusive, o bem estar que nos causa estar num pátio ao ar livre, recebendo a brisa soprada pela Serra do Mar e pelo rio Itiberê. E é ele, este rio tão conhecido, integrante da paisagem do pátio do IHGP e das janelas do Museu de Arqueologia e Etnologia – MAE/UFPR, parte do cotidiano dos habitantes de Paranaguá e de Guaraqueçaba, que será o foco deste e dos próximos artigos da nossa coluna neste mês.

Seu nome já aparece na própria localização do município de Paranaguá na citação de vários autores. Waldomiro Ferreira de Freitas na sua obra intitulada Aspecto Histórico e Turístico de Paranaguá (1994) cita assim: “A área municipal ocupa uma planície caracterizada por formações arenosas e terrenos de aluviões terrestres, à margem esquerda do rio Itiberê e margem meridional da baía de Paranaguá.” Referindo-se à Ilha dos Valadares, o autor comenta: “Uma das paisagens agradáveis da cidade é a Ilha dos Valadares, situada à margem direita do Rio Itiberê”.

Este rio foi palco do crescimento de Paranaguá, pois na sua foz foram instalados os primeiros portos, os primeiros pontos de comércio e de chegada de pessoas de diferentes culturas. Está inserido na letra de músicas e poesias, por isso vale a pena comentar seus aspectos geográficos, dessa forma haverá uma maior compreensão da sua história e das transformações sofridas ao longo dos anos.

No Hino de Paranaguá ele aparece como o primeiro que viu os sinais da civilização e, desde então, seu destino foi traçado como porta para o progresso. Amoroso, recebeu e recebe calado as pressões antrópicas e contenta-se com a alegria que proporciona ao povo do litoral e visitantes.

Anita Ribeiro Fontes inspirada por ele nos proporcionou uma música belíssima chamada Minha Velha Paranaguá e com um trecho desta, encerramos por hoje:

“Às margens calmas deste rio encantador

Neste recanto de tantas recordações

Tanta história, tanto vulto, tanta glória,

Pedaços d’alma num buquê de emoções”.

Guadalupe Vivekananda Fabry

Continuar lendo
Publicidade

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.