conecte-se conosco

Infraestrutura

Prefeito Marcelo Roque e vice Maranhão vistoriam locais que receberam serviços de manutenção

Escola Municipal Sully da Rosa Vilarinho e três unidades básicas de saúde estiveram em obras

Publicado

em

Durante toda a manhã de quinta-feira, 26, o prefeito de Paranaguá, Marcelo Roque, e o vice-prefeito, Arnaldo Maranhão, percorreram diversos bairros na cidade para vistoriar obras de manutenção. A Escola Municipal Sully da Rosa Vilarinho, localizada na Ponta do Caju, que teve parte de sua estrutura danificada por um incêndio, foi recuperada e os alunos puderam retornar ao local. Ainda foram vistoriados os serviços de manutenção de três unidades básicas de saúde, nos bairros Vila do Povo, Jardim Araçá e Vila Guarani.

A Escola Sully foi inaugurada em 2003, hoje possui 190 alunos, 12 salas de aula, uma biblioteca, laboratório de informática, sala de atendimento especializado e sala multiuso. O espaço nunca havia passado por reforma, mas agora recebeu nova pintura, reparo na parte elétrica e caixas d’água e colocação de ar-condicionado e televisões em todas as salas de aula.

Profissionais da unidade de saúde Simão Aisenman, na Vila Guarani, acompanharam a visita das autoridades

 

“Iniciamos logo cedo, às 8h, na Escola Sully, um prédio que teve um problema de incêndio e foi refeita a pintura, as salas estão com ar-condicionado. Estamos fazendo a manutenção em todos os prédios da prefeitura”, frisou o prefeito Marcelo Roque.

A secretária de Educação e Ensino Integral, Vandecy Dutra, comemorou as melhorias para o bem-estar dos alunos. “Esta reforma foi feita com qualidade, durante o período das obras tivemos que reajustar algumas coisas, pois exigimos o melhor. Hoje podemos ver o sorriso dessas crianças com a escola totalmente reformada”, comentou.

UNIDADES DE SAÚDE

As unidades de saúde Luiz Carlos Gomes, na Vila do Povo; Simão Aisenman, na Vila Guarani; e Evanil Rodrigues, no Jardim Araçá, receberam diversos serviços como pintura da fachada e, no interior, troca de cerâmica e outras intervenções que os locais necessitavam.

“Os gestores passaram pela cidade, mas não fizeram a manutenção nos prédios que estavam caindo aos pedaços e estamos fiscalizando para que seja feito um serviço completo e decente. Quero parabenizar todas as secretarias que acompanham esses trabalhos de perto e quem ganha com isso é a população de Paranaguá”, garantiu o prefeito Marcelo Roque.
Até 29 de julho, será entregue ainda o antigo prédio do Centro Municipal de Especialidades (CME), que está em reforma e funcionará como uma unidade descentralizada do Hospital Erasto Gaertner de Curitiba para atender pacientes em tratamento de câncer.

Escola Municipal Sully da Rosa Vilarinho, na Ponta do Caju, foi reformada após incêndio que danificou o prédio

 

O secretário municipal de Saúde e Prevenção, Paulo Henrique de Oliveira, lembrou que por pelo menos cinco anos não se havia notícia de reparos nas unidades de saúde. “Logo que o prefeito assumiu, ele deu prioridade aos contratos da saúde e hoje temos cerca de 12 frentes de obras de manutenção para que sejam feitos serviços inerentes como telhado, desgaste de porta, pintura e tudo que vai se deteriorando com o tempo”, disse Oliveira.

A unidade Balduína Andrade Lobo, conhecida como dona Baduca, está em reforma e irá abrigar a UPA temporariamente para que esta possa ser reformada. “A UPA tem um fluxo mensal de 14 mil pessoas ao mês, estamos terminando a Baduca para transferir a UPA e iniciar as obras. Acredito que na primeira e segunda semana de maio possamos iniciar a transferência”, afirmou o secretário.

APROXIMAÇÃO COM A COMUNIDADE

Com a visita nos bairros, há um maior contato das autoridades com a população e, desta forma, conseguem ouvir e entender as demandas mais urgentes dos moradores. O vice-prefeito, Arnaldo Maranhão, destacou que este sempre foi o perfil da gestão. “Essa é a nossa plataforma número um, estamos todos os dias em algum bairro da cidade, ouvindo das pessoas o que precisa melhorar.

Esse é o papel do gestor, do prefeito, do vice-prefeito e de toda a nossa equipe. Esta é uma área muito importante, da saúde, temos ainda que resolver a questão da contratação de médicos, isso está sendo revisto com uma nova licitação, estamos cuidando disso com prioridade”, evidenciou Maranhão.
 

Continuar lendo
Publicidade

Em alta