Connect with us

Educação

Eleição para definir reitoria acontece na terça-feira

Membros da Chapa 1 visitaram a Folha do Litoral News e contaram sobre as propostas

Publicado

em

Na terça-feira, 27, toda a comunidade acadêmica da Universidade Estadual do Paraná (Unespar) poderá ajudar a decidir pela gestão que ocupará os cargos de reitor e vice-reitor para o quadriênio 2017-2020. Todos os campi da universidade receberão os votos, inclusive Paranaguá, onde a eleição acontecerá nos três períodos, das 8h às 21h.

A Chapa 1 que concorre à gestão foi intitulada “Unespar Integrada: pública, plural e democrática” e é composta pelo candidato Elias de Souza Júnior e o vice Caio Nocko. A Chapa 2 “Todos Nós” é composta pela atual gestão, que tenta a reeleição, pelo candidato a reitor e vice-reitor, respectivamente, Antonio Carlos Aleixo e Sydnei Kempa.

Como traz o nome da Chapa 1, o objetivo principal é integrar todos os campi da universidade. “O que vemos é que os campi continuam com uma cultura local. Esta é uma das nossas preocupações. O que nós sentimos é que ela ainda não tem essa cara de universidade. Queremos fazer um trabalho intenso em cima dos concursos públicos, temos um desfalque nos campi que não têm professor em sala de aula porque estão atendendo em setores administrativos e isso obriga a socorrer a carência da universidade com professores terceirizados e professores colaboradores”, destacou o candidato a reitor pela Chapa 1, Elias de Souza Júnior.

 

CAMPUS PARANAGUÁ

O candidato ainda frisou a necessidade de busca de recursos junto ao governo Estadual e infraestrutura das universidades. Para exemplificar, Elias salientou a atual situação do campus Paranaguá. “Temos um problema grave em Paranaguá, é um dos piores campi e precisa de um cuidado especial com relação à infraestrutura”, disse.

O professor Sebastião Cavalcante apoia a candidatura da Chapa 1 e abordou que, com mais investimentos no campus Paranaguá e a integração, será possível, inclusive, trazer mais cursos para a cidade. “Para isso é preciso da força dos municípios e das universidades para conseguir o espaço físico que suporte isso”, declarou.

O perfil da Chapa 1, para o professor Felipe Ribeiro, é trazer representantes que sejam de locais mais próximos a Paranaguá, como é o caso do candidato a vice-reitor, Caio Nocko, que é professor do campus Curitiba II. “É preciso descentralizar um pouco mais a reitoria”, ressaltou.

 

CHAPA 2

A atual gestão tem como reitor Antonio Carlos Aleixo, professor do colegiado do curso de Letras do campus de Campo Mourão. De acordo com informações da universidade, ele também já foi diretor do campus por duas gestões, quando ainda era Faculdade Estadual de Ciências e Letras de Campo Mourão (Fecilcam) e coordenador de curso e chefe de departamento. Possui graduação em Letras pela então Fecilcam e mestrado em Estudos Literários pela Universidade Estadual Paulista (Unesp).

Continuar lendo