conecte-se conosco

Portos do Paraná

Parnanguara assume presidências dos CAPs de Antonina e Paranaguá

Alex Sandro de Ávila está na Diretoria de Outorgas da Secretaria de Portos

Publicado

em

Foto: Rodrigo Sell/Portos do Paraná

O parnanguara Alex Sandro de Ávila assumiu na quinta-feira, 23, a presidência do Conselho de Autoridade Portuária (CAP) do Porto de Antonina, e na sexta-feira, 24, o comando do CAP de Paranaguá. Com passagens pela Portos do Paraná, pelo Porto Ponta do Félix, pela CODEBA e atualmente no Ministério dos Portos e Aeroportos, ele estreita novamente as ligações com a Comunidade Portuária do Paraná à frente desses importantes fóruns de discussões e decisões.

“Para mim é um prazer, uma satisfação, uma honra, ter a oportunidade de presidir esses conselhos. Eu sou parnanguara, nascido em Paranaguá e desenvolvi toda minha carreira aqui em Paranaguá, depois tive a oportunidade de ir a outros portos, fui para a Docas da Bahia, e, agora, nessa passagem pela Secretaria de Portos lá em Brasília, é uma honra e uma satisfação ter o prazer de voltar aqui à minha casa e poder contribuir aqui nos Conselhos”, destacou o novo presidente.

No momento, Ávila é Diretor de Outorgas da Secretaria de Portos do Ministério de Portos e Aeroportos em Brasília, mas a ligação com a atividade portuária paranaense é grande.

“Para mim é um prazer, uma satisfação, uma honra, ter a oportunidade de presidir esses conselhos”, afirma Alex de Ávila (Foto: Rodrigo Sell/Portos do Paraná )

 “Passei 13 anos aqui no Porto de Paranaguá, cheguei aqui como estagiário, passei por várias funções e, entre 2015 e início de 2019, fui Diretor Administrativo e Financeiro, depois fui para a CODEBA. Em 2020, estive na iniciativa privada, e, agora, estou nessa missão lá na Secretaria de Portos como Diretor de Outorgas. É um prazer e uma honra ter a oportunidade de voltar aqui e contribuir através dos Conselhos”, apontou.

De acordo com ele, o debate nos CAPs de Antonina e Paranaguá sempre geram novas ideias e soluções para as demandas dos diversos setores envolvidos.

“O CAP, apesar de ter uma função consultiva, ele é um órgão de auxílio para a Autoridade Portuária. É um fórum extremamente importante porque são promovidas discussões sobre os mais diversos temas do Porto. Temos um colegiado muito bem representado com as classes dos operadores, dos empresários, dos trabalhadores, do OGMO, da Autoridade Portuária, representantes do Governo Federal e é a oportunidade de promover as discussões, escutar as opiniões”, finalizou Ávila.

Fonte: Portos do Paraná

plugins premium WordPress