conecte-se conosco

Polícia

PM apreende mais de 30 quilos de pasta base de cocaína no Beira Rio

Três pessoas foram presas e encaminhadas para o plantão da Polícia Civil. Toda a droga apreendida foi entregue na unidade policial.

Publicado

em

Uma ação conjunta, que envolveu várias unidades da Polícia Militar, entre elas, agentes da ALI – Agência Local de Inteligência, ROTAM – Rondas Ostensivas Tático Móvel, e Patrulha Costeira, deflagrada na noite de quinta-feira, 20, no bairro Beira Rio, em Paranaguá, resultou na apreensão de mais de 30 quilos de pasta base de cocaína e na prisão de três pessoas.

TRIBUNAL DO CRIME

De acordo com a corporação, uma denúncia anônima repassada para a central 190, indicava que um rapaz estava sendo arrastado para dentro de uma casa, localizada em um beco, na Rua Eugênio José de Souza.

O denunciante relatou ainda que o indivíduo estava amarrado e que seria o autor de alguns delitos na região.

Por conta da informação e acreditando que o rapaz seria julgado pelo “Tribunal do Crime”, equipes da ROTAM foram para o endereço indicado e conseguiram localizar o imóvel.

Durante o deslocamento, os militares foram informados por agentes da ALI que a região indicada na denúncia vinha sendo monitorada pela corporação. O local estaria sendo usado por traficantes para a movimentação e armazenamento de drogas, que seriam enviadas para o exterior.

OLHEIRO

Ao desembarcar da viatura e começar uma incursão a pé pelo beco, as equipes da ROTAM flagraram um indivíduo correndo na direção do manguezal. O suspeito seria “olheiro” do tráfico e fugiu ao perceber a chegada das viaturas.

Enquanto perseguiam o indivíduo, que não foi localizado, e após a constatação que não havia nenhum refém no local, os policiais visualizaram, pela janela de uma casa, duas munições intactas em cima de um móvel, dentro de um quarto.

Duas mulheres que estavam no beco e foram abordadas pelas equipes, se identificaram como proprietárias da residência.

Simone Marques Alves, de 46 anos, e sua filha Rafaely Marques Portela, de 25 anos, acompanharam a revista que foi realizada na casa onde as munições foram encontradas.

Dentro do quarto, escondidos embaixo de um guarda-roupas, os policiais encontraram 30 tabletes de pasta base de cocaína.

Também foram recolhidos no imóvel, dois rolos de plástico filme, usados para embalar a droga, uma munição de festim, um aparelho celular, um notebook e vários documentos pessoais.

Trocando informações com outros policiais e agentes da ALI que estavam em patrulhamento pela cidade, a equipe da ROTAM conseguiu identificar um indivíduo suspeito, que tinha acabado de sair do local em um VW Gol, cor prata.

O veículo suspeito foi localizado em um lava car, nas proximidades, e seu condutor foi abordado por equipes da Patrulha Costeira, que também participaram da mobilização.

Breno Lorran Rodrigues Alves, de 20 anos, disse que estava cuidando do estabelecimento comercial e que morava em uma casa, na Rua Eugênio José de Souza, o mesmo imóvel onde os tabletes de cocaína foram encontrados.

As três pessoas abordadas receberam voz de prisão e foram encaminhadas para o plantão da Polícia Civil.

Toda a droga apreendida foi entregue na unidade policial.

CÃES FAREJADORES

Diante das denúncias e informações colhidas pela Agência Local de Inteligência, que indicavam o imóvel abordado como sendo um depósito usado por traficantes internacionais de drogas, as equipes solicitaram apoio de cães farejadores do canil do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual.

Os animais vasculharam o terreno da residência e outros cômodos da casa, mas não encontraram nada de ilícito.