conecte-se conosco

Polícia

Operação Renitência da Polícia Federal investiga distribuição de notas falsas em Paranaguá

Um mandado de busca e apreensão foi cumprido na cidade

Publicado

em

A Polícia Federal deflagrou na tarde desta quarta-feira, 1°, a Operação Renitência, que tem como objetivo investigar a distribuição de notas falsas em Paranaguá.

Foi cumprido um mandado de busca e apreensão na cidade, expedido expedido pela 9ª Vara da Justiça Federal de Curitiba.

As investigações tiveram início em julho de 2021, após um comerciante local ter procurado a Polícia Federal por ter recebido uma nota de R$ 100,00 falsificada. A vítima apontou as características de uma pessoa que já é conhecida na cidade por repassar moeda falsa.

No curso do inquérito foi possível identificar e qualificar o suspeito e vinculá-lo a outros casos que foram tratados pela Polícia Federal em Paranaguá. Além disso, o mesmo número de série da nota falsa apresentada era correspondente a outras apreensões na região, sem que ainda tivesse sido confirmada a autoria do crime.

A busca resultou na apreensão de três aparelhos celulares utilizados pelo suspeito, que serão analisados na sequência da investigação.

Com a diligência deflagrada nesta quarta-feira, a Polícia Federal pretende identificar a origem das notas falsas e apurar se o suspeito mantém ligação com alguma organização criminosa responsável pelas falsificações.

OPERAÇÃO RENITÊNCIA

O nome da operação faz alusão à renitência, que é a qualidade daquele que é persistente ou teimoso. Isso porque o suspeito, mesmo após ter sido preso em flagrante em 2019 por crime similar, continuou trocando notas falsas na cidade, insistindo na prática criminosa.

Comunicação Social da Polícia Federal em Paranaguá

Continuar lendo
Publicidade

Em alta