conecte-se conosco

Polícia

Operação conjunta combate crimes ambientais, tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo no Paraná

O objetivo da operação conjunta deflagrada em três cidades do estado, incluindo a capital, é combater crimes ambientais, tráfico de entorpecentes e posse irregular de armas de fogo

Publicado

em

Uma ação conjunta, que envolveu o Poder Judiciário, Ministério Público do Paraná e unidades da Polícia Militar, como o Centro de Inteligência, agências locais, policiais militares do 9.º Batalhão, do Batalhão de Polícia Militar Ambiental – Força Verde e da Companhia de Operações com Cães do BPChoque, Batalhão de Polícia de Choque, cumpriu na manhã desta quinta-feira, 13, em três cidades, sete Mandados de Prisão e dezesseis Mandados de Busca e Apreensão.

O principal objetivo da operação conjunta, deflagrada em Pontal do Paraná, no litoral do estado, em Curitiba e na cidade de Almirante Tamandaré, na região metropolitana, é combater crimes ambientais, tráfico de entorpecentes e posse irregular de armas de fogo.

O trabalho de investigação e levantamento de informações envolveu servidores do Poder Judiciário, Ministério Público do Paraná e unidades da Polícia Militar, como o Centro de Inteligência. Foram cumpridos sete Mandados de Prisão e dezesseis Mandados de Busca e Apreensão.

INVESTIGAÇÕES

No âmbito das investigações realizadas pelos órgãos e forças policiais envolvidas, motivadas por denúncias repassadas pela comunidade, os agentes descobriram que um grupo havia se associado, de forma criminosa, com a intenção de invadir terrenos e com isso cometer também crimes ambientais, no município de Pontal do Paraná.

Através de um pedido feito pelo Ministério Público da Comarca, o Serviço de Inteligência da Polícia Militar realizou diligências e monitorou os principais envolvidos.

Além da prisão de seis pessoas, outras sete foram encaminhadas para unidades policiais. Os agentes apreenderam seis armas de fogo e 280 munições.

CRIMES

Ainda de acordo com as investigações, os crimes estavam sendo praticados desde o final de 2020. O fato foi constatado pelos agentes após um dos suspeitos ter sido alvo de uma operação policial, no começo de 2021. Durante o cumprimento de um Mandado de Busca e Apreensão, o indivíduo teve o celular recolhido.

O objetivo da operação conjunta deflagrada em três cidades do estado, incluindo a capital, é combater crimes ambientais, tráfico de entorpecentes e posse irregular de armas de fogo

MANDADOS

Foram cumpridos seis mandados de prisão, além do encaminhamento para unidades policiais de sete indivíduos.

As equipes apreenderam ainda seis armas de fogo e 280 munições.

Todo o material recolhido vai ajudar na sequência das investigações.