Connect with us

Polícia

Irmãos são presos pela ROMU com entorpecentes no Santos Dumont

Com os irmão, os agentes da ROMU apreenderam buchas de crack e cocaína, dinheiro e material usado para embalar a droga

Publicado

em

Marco Antônio do Carmo, de 29 anos, e o irmão Cristian Augusto do Carmo, de 20 anos, foram presos por agentes da ROMU – Ronda Ostensiva Municipal, da Guarda Civil, na madrugada de quarta-feira, 22, por volta das 2h, acusados de envolvimento com o tráfico de entorpecentes no bairro Santos Dumont, em Paranaguá.

De acordo com a corporação, os agentes desconfiaram da dupla que estava na frente de uma casa, na Rua Bento de Oliveira. Os irmãos, ao perceberam a aproximação da viatura, agiram de maneira suspeita e entraram correndo na residência. Eles foram perseguidos e abordados dentro do imóvel.

Com Marco Antônio do Carmo, os agentes encontraram  10 buchas de cocaína e com Cristian Augusto do Carmo, foram apreendidas 8 buchas do mesmo entorpecente. A droga estava embalada e pronta para ser comercializada.

Indagados sobre o entorpecente apreendido, os irmãos confessaram que estavam vendendo as buchas na região e que na casa, onde foram abordados, as equipes encontrariam outras porções escondidas.

REVISTA

Autorizados a realizar o procedimento, os agentes encontraram dentro de uma caixa de sapatos no quarto de Marcos, 54 buchas de cocaína, 8 buchas de crack e 5 pedaços do entorpecente. Foram apreendidos também dois celulares, uma balança de precisão, uma faca e uma tesoura usadas para cortar a droga e certa quantia em dinheiro.

Diante da situação e do material apreendido, os irmãos receberam voz de prisão e foram encaminhados para o plantão da Polícia Civil, onde as medidas cabíveis foram adotadas.